Banca e Seguros

Banco CTT - Taxa poupança livre incorreta.


Obteve resposta
8929317

Em dezembro de 2016 abri uma conta poupança livre no banco ctt. De acordo com a FIN, para usufruir da taxa de 1% teria de domiciliar ordenado ou, em alternativa, ter 3 débitos diretos de despesas domésticas. Optei pela segunda e, no decurso do mês de janeiro, foram debitados os valores das faturas de telecomunicações, energia e água. Segundo a FIN, no dia 1 de cada mês, as condições para atribuição da taxa de 1 % são verificadas automaticamente, tendo como referência o último dia do mês anterior. Ora, como cumpria os requisitos, deveria ter passado a usufruir da taxa a partir de 1 de fevereiro, mas tal não sucedeu, de acordo com a informação do extrato. Além disso, questionei, em 1 de fevereiro, através da minha área pessoa de homebanking, qual a taxa aplicada na conta, resposta que ainda não me foi data até hoje, dia 20 de março.
Ainda há muita falta de informação, quer através da linha, quer nos balcões.

Respostas

em 2017-03-21 09:58 Exmo. Senhor Paulo Tavares,

Serve a presente para confirmar o exposto através do Portal da Queixa, ao qual dedicámos desde logo a melhor atenção.

Agradecemos o facto de nos ter dado conhecimento do motivo do seu descontentamento, proporcionando-nos, dessa forma, a oportunidade para nos pronunciarmos sobre o sucedido bem como para melhorar o nosso serviço.

Os comentários tecidos foram tomados em devida nota, e serão asseguradas as medidas que se mostrem necessárias, encontrando-se a situação reportada em análise.

Esclarecemos adicionalmente, por motivos de confidencialidade, que ser-lhe-á dada resposta de forma privada.

Certos da Sua compreensão, apresentamos os nossos melhores cumprimentos,

Ana Sousa
Gestão de Reclamações

Comentários


Vitor Afonso

Viu a sua situação resolvida? Queria abrir uma conta nos mesmo moldes dos seus e gostaria de saber como está a situação



DMCV

Quando se é reincidente em determinadas praticas, a imagem que inevitavelmente transparece é a de que tais praticas não são fruto do acaso mas antes intencionais ou no mínimo resultado da falta de cuidado em corrigi-las.
Muitas vezes preocupamo-nos em procurar desculpas para os nossos erros em vez de procurar as causas...

Meses depois de aqui reportada, esta entidade contínua com esta pratica...
Conta Poupança constituída em Maio e que no último dia desse mês reunia as condições para atribuição no mês de Junho da taxa de 1%, foram creditados no dia 1 de Julho os juros correspondentes mas à taxa de 0,25%.
Questionada sobre os motivos para tal, esta entidade responde:
“... informamos que no ato de constituição da conta poupança livre ocorreu um constrangimento, pelo que a mesma não ficou associada à conta ...”.

Ora, tal como consta das Condições de Acesso publicadas na FIN do produto,
“Condições aplicáveis a:
• ...
• Titulares de uma conta de Depósitos à Ordem (D.O.) no Banco CTT.”

e por ser demasiado evidente, não me vou dar ao trabalho de classificar a resposta...
Aguardarei o recalculo dos juros e o credito do diferencial.
A quem interessar: Estejam atentos, não sejam passarinhos!




Comentar

Apenas utilizadores registados podem fazer comentários.

Inicie sessão e regresse novamente a esta página para comentar.