Internet Móvel e Fixa

NOS - Serviço pago e não prestado


Obteve resposta
7665517

O serviço encomendado à NOS por Internet+Telefone+TV no ano passado, nunca funcionou a 100%.

Foi instalado o pacote em Fevereiro de 2016 sob a promessa de 40 megas de velocidade de internet (teste feito pelos seus dois técnicos na altura de instalação), porém essa velocidade nunca se comprovou.

A primeira reclamação foi dada após duas semanas a dentro do contracto, (Fevereiro de 2016) quando notei a velocidade a 1 mega, que não chega a ser 1% da velocidade contratada.
O apoio ao cliente da NOS, então garantiu que estava a tratar da situação e que estavam com problemas na cobertura da rede na minha área de residência, admitindo assim uma falta da parte da NOS quanto à pobre execução na prestação de serviço.
Desde Fevereiro de 2016 até à data desta reclamação, (Quase um ano depois) foram feitos inúmeros testes à velocidade de internet, os quais arquivo, inúmeras reclamações sobre a má prestação do serviço, ao qual a situação nunca mudou ou se quer melhorou minimamente. A 'desculpa' do apoio ao cliente, contactado ontem, (10 de Janeiro de 2017), continua a ser a mesma, expondo o sistema faltoso que têm na sua infra-estrutura e que impede a prestação do serviço ao qual se comprometeram a prestar na celebração do contrato e que continue a aguardar.
A última sugestão da parte da NOS, (ontem, Janeiro de 2017) foi requisitar que aguarde para que a situação se resolva, exactamente a mesma atitude que me recomendaram em Fevereiro de 2016, quando foi reportada a pobre prestação do serviço pela primeira vez.


Respostas

em 2017-01-18 11:46 Olá Maria Nogueira, asseguramos que estamos a analisar a sua questão. Entraremos em contacto consigo assim que possível. Obrigado,
Serviço ao Cliente.

Comentários


Bruno Filipe Borges Teixeira

Boa tarde, estou exatamente com o mesmo problema. Não considera termos justa causa para rescisão do contrato?




Comentar

Apenas utilizadores registados podem fazer comentários.

Inicie sessão e regresse novamente a esta página para comentar.