Refeições escolares: Estarão a ser servidas na quantidade e com a qualidade exigida?

As refeições escolares é um dos principais temas nas reclamações dos encarregados de educação dirigidas às escolas e ao Ministério da Educação e da Ciência.

Informações
Esta notícia foi lida 1368 vezes
Partilhe

Desde o início deste ano letivo, que os encarregados de educação têm demonstrado a sua insatisfação, para com as refeições servidas nas escolas portuguesas, referindo a pouca qualidade e/ou quantidade.

Diana Rodrigues, autora da fotografia presente nesta notícia, foi uma das utilizadoras que fez a sua reclamação no Portal da Queixa dirigida ao Ministério da Educação e Ciência, na qual afirmou:

 

É inadmissível que as escolas públicas continuem a servir este tipo de "refeições" às nossas crianças!! Estou simplesmente CHOCADA com a "comida" que foi servida à minha sobrinha na escola EB2/3 de Mira de Aire.

 

Um problema que se prolonga

A educanda de Brigitte Almeida está no 9.º ano, mas desde o 5.º ano que é o " mesmo problema" e "nada é resolvido". Na sua reclamação indicou que:

 

Os miúdos tem se queixado como da comida estar a maior parte crua como o peixe estar cru por dentro ou batatas cozidas podre...

 

Qual a composição de uma refeição?

No site da Direção-Geral da Educação está disposto o Circular n.º 3/DSEEAS/DGE/2013, com orientações sobre ementas e refeitórios escolares relativo a 2013/2014, a ementa diária é composta por:

 

Sopa Sopa de hortícolas frescos, tendo por base batata, legumes ou leguminosas.
  Canja e/ou sopa de peixe, no máximo 1 vez por mês.
Prato de carne ou de pescado Prato de carne ou de pescado, em dias alternados.
Acompanhamento glucídico Arroz, massa ou batata, em dias alternados, variando o modo de confeção. Em simultâneo, poderão servir-se leguminosas (feijão, grão, favas, ervilhas, feijão-frade,etc).
Hortícolas e/ou saladas Os hortícolas crus(saladas) e/ou confecionados passíveis de serem servidos e temperados à parte (por exemplo, salada de feijão verde, curgetes, etc.) devem ser servidos diariamente, preferencialmente em prato separado, no mínimo com três variedades e nas capitações previstas(...)
Pão 1 pão de mistura (confecionado no próprio dia), embalado, de acordo com o Anexo 1.
Sobremesa Constituída diariamente por fruta variada, 6 preferencialmente da época (Anexo 3), no mínimo de 3 variedades, de acordo com as quantidades referidas no Anexo 2.
Água A água é a única bebida servida.

 

Valor das refeições escolares

O valor das refeições escolares, independentemente do nível de escolaridade, são determinados pelo Despacho nº 18987/2009, de 17 de agosto. Assim:

Alimentação Refeição em refeitórios escolares Refeição ligeira em refeitórios escolares
Preço 1,46€ 1,08€
Taxa adicional (para marcações realizadas no próprio dia) 0,30€ --
Comparticipação máxima no custo da refeição (por aluno) 0,22€ 0,12€

 

 

 


Comentários