Serviços de Saúde

Hospital de Cascais - Sofrimento e risco de vida por negligência para dar à luz


Aguarda resposta
9120417

Fui brutalmente humilhada e quase morri na sala de partos.abandonada durante 6 horas com contrações horríveis já depois da minha bebê ter nascido.

Mais tarde percebi que a placenta não foi retirada corretamente, com o meu corpo já cosida lutava.depois de me arrastar e pedir ajuda, fui sempre ignorada. Indo para casa sentia-me a morrer, procurei o hospital várias vezes diziam que estava tudo bem. Só quando entrei no hospital arder em febre, quase sem poder andar, fui operada para fazer uma raspagem onde garantiram que sairia no dia seguinte. Fiquei internada 8 dias, longe da minha bebê com uma infeção gravíssima e uma anemia onde tive que tomar durante 4 meses ferro, para depois voltar a ser novamente operada, porque continuava com restos de placenta.

Foi horrível, sofri muito muito. Pf alguém​ me ajude... Obrigada

Comentários


Yhere

Foi a Sra. que esteve hoje no programa da SIC??...
Talvez algumas pessoas aconselhem a seguir sua vida e esquecer o que lá foi....Mas acho importante e generoso que as pessoas denunciem todo tipo de situações​ abusivas de qualquer área, não só na saúde (mas nesta principalmente, pk todos tem as costas quentes) de forma a que estás situações acabem....
Siga as indicações que lhe foram dadas, reúna o material necessário e encaminhe a TODAS as instâncias...mas lembre que ao invés de pedir aos santinhos, fale directamente com Deus....no hospital, nos "organismos reguladores" , etc etc vão sempre dizer que os profissionais fizeram o que melhor podiam/seguiram o protocolo,etc etc.. depois de apresentar primeiro queixa nestas instâncias (por mera formalidade) siga para outros patamares conforme já lhe aconselharam...

O que mais indigna é que a maioria das pessoas nunca reclamam e daí as estatísticas serem tão baixas em relação as queixas...
Outra coisa, diga, também sofreu violência psicológica? de quem? aposto que das "profissionais" mulheres?...como é possível haver tanta falta de solidariedade feminina?? será que elas não estiveram vulneráveis na mesma situação?? ...
Força e não desista, faça pelas suas filhas e pelas outras mulheres...
Será que poderia indicar aqui o nome das bestas, ou não seria aconselhado? Pode ser que outras pessoas consigam identificar outros relatos com as mesmas criaturas...
Obg e boa sorte muita saúde




Comentar

Apenas utilizadores registados podem fazer comentários.

Inicie sessão e regresse novamente a esta página para comentar.