Banca e Seguros

Lusitania Seguros - Anulação de apólice de seguro por falta de pagamento


Obteve resposta
15523617

Boa tarde

Verifiquei com a minha entidade bancária que efectuaram o débito direto do seguro antes da data estabelecida, ou seja dia 25 de outubro(que é quando recebo o ordenado), tal como aconteceu em setembro (débito efetuado a 25/09), dessa foram contra os termos que contratei convosco aquando da alteração da conta bancária associada ao pagamento do seguro (em agosto). Já em agosto tentaram efetuar o débito direto para uma conta que já não existia, por falta de comunicação e proatividade entre os vossos próprios serviços, tal como troca de e-mails que tenho em meu poder. Tive de efetuar o pagamento com referência multibanco que me facultaram.
Pela razão que mencionei, não conseguiram efetuar o débito direto mo dia 25/10 e nem sequer me enviaram uma carta/e-mail a informar do sucedido e de que iriam proceder a uma segunda tentativa de cobrança ou a facultar uma referência multibanco para efetuar o pagamento, Aliás nem no mês seguinte de novembro efetuaram o débito direto (não existindo sequer qualquer tentativa), conforme informação prestada pela minha entidade bancária. Recebi sim no dia 12/12/2017 um e-mail vosso a informar que a apólice estava anulada por falta de pagamento, com efeitos a 02/11. Ou seja andei, sem saber, mais de um mês sem seguro no meu automóvel.
Dirigi-me de imediato no dia seguinte ao agente do seguro que nem me informou deste fato sucedido, estando as culpas atribuídas à minha entidade bancária. Foi me efetuada nova apólice de seguro(tendo demorado 7 dias úteis a concretizar, inconcebível), a qual estou a pagar mais por ano por não ter aderido ao débito direto, por precaução, julgando que a minha entidade bancária iria continuar a falhar.
É DE LAMENTAR ESTE TIPO DE PROCEDIMENTOS E ATITUDES PARA COM OS CLIENTES! Só têm a perder... se repararem.. eu não tenha nem tenho um seguro contra terceiros, mas sim o seguro mais caro (contra todos os riscos).
Exijo uma resposta urgente e a assunção de responsabilidades pelo sucedido.


Esta reclamação tem um anexo privado

Respostas

em 2017-12-29 09:33 Exmos. Senhores,

Acusamos a receção da exposição efetuada, a qual mereceu a nossa melhor atenção.

No que respeita ao seu conteúdo, vimos por este meio informar que as reclamações comunicadas à Lusitania deverão ser apresentadas através dos seguintes canais:

• Livro de reclamações, formulário disponível no sítio da internet da Lusitania ou comunicação escrita dirigida para o seguinte endereço postal:
Lusitania, Companhia de Seguros, SA
Direção de Serviços Jurídicos
Centro de Gestão de Reclamações
Rua de S. Domingos à Lapa, n.º 35
1249-130 Lisboa

• Comunicação escrita endereçada à Autoridade de Supervisão de Seguros e Fundos de Pensões ou DECO.
Com os melhores cumprimentos,

Direção de Serviços Jurídicos
Centro de Gestão de Reclamações
gestaoreclamacoes@lusitania.pt

Comentários



Comentar

Apenas utilizadores registados podem fazer comentários.

Inicie sessão e regresse novamente a esta página para comentar.