Autoridade Tributária e Aduaneira
Autoridade Tributária e Aduaneira Marca Recomendada
Prémio Marca Recomendada
Performance da Marca
86.2
/100
Óptimo
Óptimo
Índice de Satisfação nos últimos 12 meses.
Taxa de Resposta
99,8%
Tempo Médio de Resposta
96,2%
Taxa de Solução
93,6%
Média das Avaliações
33,8%
Taxa de Retenção de Clientes
42,3%
Prémios e distinções
Prémio Marca Recomendada
Ranking na categoria
  • 217206707
    Chamada para a rede fixa nacional
  • Rua da Prata, 10
    1149-027 Lisboa
  • dscpac@at.gov.pt

Autoridade Tributária e Aduaneira - Apoio às rendas

Resolvida
1/10
Rui Costa
Rui Costa apresentou a reclamação
23 de novembro 2023
Eu, Rui Filipe Tavares da Costa, NIF n° 213697084, divorciado, Pai de 4 filhos menores, que vivem comigo por decisão do tribunal de Loures, tenho um contrato de arrendamento desde 2018.
Estou desempregado desde Outubro de 2021, recebendo unicamente o abono de família e o RSI.
Pago uma renda de 615€ com contrato e recibos nas finanças. Já perguntei em todos os serviços,
Finanças de Sacavém, segurança social, IHRU, e já enviei vários e-mails aos quais nunca obtive resposta. No ano de 2021, ainda tive rendimentos, devido a um erro do contabilista, que colocou a actividade como contabilidade não organizada e que me deixou sem dinheiro (porque não consegui apresentar despesas) e sem poder pagar as contas necessárias. Fui obrigado a fechar a actividade.
Desde aí, tenho tentado procurar trabalho mas sem sucesso. No passado mês de setembro, a ministra da habitação veio a público dizer que iriam analisar a situação das taxas de esforço maiores que 100% e com base nos rendimentos de 2022. Eu em 2022 não coloquei IRS pois estava a receber as prestações sociais.. Expondo tudo isto aos diversos organismos conforme referido, ninguém me consegue dar uma resposta, ao ponto, de na repartição de Finanças de Sacavém, a sra. que me atendeu, ter dito que não tinham conhecimento nenhum do programa de apoio às rendas, pois nunca lhes tinha sido passada nenhuma informação sobre esse assunto.... Não acreditei, porque é um assunto quase diário nas televisões , mas não fiz nenhum tipo de comentário à referida sra. Gostava que me dissessem, o porquê de eu não ter direito ao ao referido apoio, ou o porquê de ninguém me dar respostas. Eu neste momento, ainda não fui despejado por apoio da família, mas não é uma situação justa.
Agradecendo desde já a vossa resposta
Me subscrevo,
Com os meus melhores cumprimentos,
Rui Costa
Data de ocorrência: 23 de novembro 2023
Ex Senhor
Rui Costa

A AT considera importante a construção de uma relação de confiança e cooperação com os contribuintes, pelo que o seu contacto é muito relevante para nós, tendo em vista a melhoria continua dos serviços que prestamos aos cidadãos.

Com o objetivo de assegurar a identidade de quem se nos dirige e podermos dar a devida atenção às suas questões, respeitando o dever de sigilo fiscal e as regras de proteção de dados pessoais, agradecemos que utilize os canais de comunicação da Autoridade Tributária e Aduaneira.

Assim, convidamos V. Exa, a colocar o seu pedido, através do serviço eletrónico “e-balcão “disponível no Portal das Finanças em:
Aceda em https://www.portaldasfinancas.gov.pt
Contacte-nos >e-balcão>Atendimento- e-balcão>Autenticação e registe o seu pedido de esclarecimento, querendo pode anexar documentos

Ou, pode aceder diretamente através do seguinte link:
https://sitfiscal.portaldasfinancas.gov.pt/ebalcao/formularioContacto/novoPedidoForm

Estamos ao seu dispor,
Rui Costa
Rui Costa avaliou a marca
28 de novembro 2023

Cambada de incompetentes!!!!!

Esta reclamação foi considerada resolvida pela marca, e aceite pelo utilizador
Comentários
Esta reclamação ainda não tem qualquer comentário.