WiZink

WiZink

WiZink Bank, S.A. – Sucursal em Portugal
Ranking na categoria
Partilhar esta página

WiZink - Movimentos não reconhecidos

Em tratamento
80614522
625
Nelson apresentou a reclamação

Dia 23 de Novembro de 2021 por volta das 15.20h recebi um e-mail com o nome Wizink a dizer: “Detetamos atividades suspeitas no seu cartão de crédito. Decidimos desativar o seu cartão temporariamente ate que você verifique suas informações. Clique no link acima e conclua as etapas de reativação do seu cartão”. Inocentemente, cliquei nesse link e na sequência desse click foram realizadas duas compras, uma de 1.857.83 EUR na loja EXPERT.NL e a outra de 1.729.00 EUR na loja HARDWARE OUTLET BV ambas sediadas na Holanda, valor total dos movimentos não autorizados de 3.586.83 Eur. Salientar ainda, que apos o meu click nesse link a página web estava branca, não carregava conteúdos na totalidade e bloqueou a pagina/computador. Como não estava a entender nada da situação, estava tudo estranho decido instalar a APP Wizink no meu dispositivo movel (23-11-2021 as 16.02h) e verifico os dois movimentos fraudulentos. Por volta das 16.30h liguei para a linha Wizink através do número 915589902 a relatar o ocorrido. Segui as recomendações do colaborador Wizink, o cartão foi bloqueado, o e-mail fraudulento reencaminhado para o departamento de fraude Wizink (alertaseguranca@wizink.pt) e era só esperar pelo contacto deles. Salientar ainda que perguntei se seria necessário apresentar queixa na polícia ao qual, o colaborador disse que numa primeira fase não era necessário, só tinha que aguardar para ver se os montantes entravam para extrato. Dia 09 de Dezembro de 2021 verifiquei que os dois montantes tinham entrado para extrato. Volto a ligar para a Wizink e sou recomendado apresentar queixa na polícia e a preencher um formulário de movimentos não autorizados (queixa foi apresentada no posto territorial da GNR de Avintes no dia 09-12-21 pelas 19.00h).

Achando eu que o problema estava resolvido até porque os montantes em causa tinham sido repostos no extrato com a designação de: credit adjustment to billing account. No entanto, dia 27 de dezembro de 2021 aparece dois levantamentos a crédito com os montantes idênticos as duas compras fraudulentas. Entrei em contacto com a Wizink a pedir justificações porque tinha a dispensa de sigilo bancário assinada a dar autorização as entidades policiais para ter acesso aos meus dados bancários e essa manobra podia despistar as investigações policiais. Essa justificação só chegou dia 23 de Fevereiro de 2022 a considerar-me como responsável pelos movimentos não autorizados e pouco mais, nem nunca apresentaram provas que efetuaram diligências para averiguar o sucedido, nem demonstraram ao cliente que as operações foram autenticadas por mim apesar da minha insistência. Nunca me enviaram o IP dos movimentos, SMS validadas por mim, aparelho usado, de onde foram efetuados os movimentos, também pedi qual o meu perfil de comprador perante a wizink porque nunca tinha feito compras online com aquele cartão, inclusive a Wizink foi validar compras que o próprio cliente alertou a tempo e horas que o cartão estava a ser usado indevidamente.
Como não aceito essa decisão apresento hoje a minha denúncia contra a instituição financeira Wizink Bank, S.A.U - sucursal em Portugal sediada na Av. colégio militar n 37 F, piso 6 D. Entre falta de proteção dos meus dados, passando pela falta de segurança do meu cartão/cliente e terminando pela falta de responsabilidade da instituição perante o cliente, deixo aqui algumas reflexões sobre a minha defesa:

- PROTEÇÃO DE DADOS: Como é que os hackers tiveram acesso ao meu e-mail, como souberam que era cliente Wizink, que tinha plafond disponível, número de telefone, morada, entre outras;

- SEGURANÇA: Tenho meios necessários para fazer provar de que efetuei a comunicação de fraude ao banco poucos minutos de verificar as compras e que essa mesmas compras deveriam ser suspensas até se apurar os factos. Na sua carta resposta a Wizink afirma que as compras foram autenticadas por mim pela autenticação forte e pela APP WIZINK para aprovar as mesmas através das credenciais de acesso e mais uma vez, tenho meios necessários para fazer provar que a APP Wizink foi instalada no meu dispositivo já depois de uma compra estar finalizada;




- RESPONSABILIDADE: É evidente que a Wizink mesmo com a minha chamada/alerta dia 23 de novembro de 2021 não tomou nenhuma medida interna, nem externa através dos seus serviços de segurança como por exemplo PAYWATCH / SIBS para impedir a utilização não autorizada do meu cartão, como também nunca efetuou diligências para averiguar o sucedido e demonstrar que as operações foram autenticadas, devidamente registada e contabilizada;

RELEMBRAN-DO AINDA, que passou quase um ano e a Wizink ignora o caso atribuindo sempre a culpa ao cliente e nunca provou/mostrou as tais autenticações fortes, validação das compras junto do cliente etc, ultimamente ignora as mensagens deixadas pelo cliente na plataforma apenas diz: "Abrimos um processo nº ... aguarde pelo contacto"! Contacto que nunca chega acontecer ate porque e com interesse da Wizink quanto mais tempo passar, mais taxas e taxinhas serão aplicadas ao cliente.
16 set 2022
Nelson adicionou uma resposta

Inclusive, em meados de Maio de 2022 foi enviado pelos meus representantes à Wizink (em anexo) uma notificação de contestação e até hoje não houve resposta!

Nem resposta à contestação, nem provas de autenticação forte apenas mandam os extratos para pagar todos os meses
Desde Janeiro de 2022 que já paguei perto de 1000 euros e a dívida continua aumentar, taxas e taxinhas, juros, seguros entre outros. Foi a pior decisão que tive na minha vida em confiar na Wizink.


20 set 2022
Nelson adicionou uma resposta

De forma alerta todos usuários desta plataforma segue-se em anexos o "modus operandi" da Wizink na resoluções pedidas pelo cliente!

+/- a 14 de Julho de 2022 confronto a Wizink sobre o estado do meu processo de phising. A Wizink envia uma mensagem com o caso nº2022071019 (anexo) e diz para aguardar pelo contacto que ate hoje nunca surgiu mais uma vez, cliente ao abandono e entregue à bicharada!

+/- 17 de Agosto de 2022 confronto a Wizink sobre as gravaçoes das minhas chamadas e copia do contrato e mais uma vez, abrem um caso nº 2022081345 dizem resolução de 7 dias e que a resposta é enviada por e-mail. Espanto, continuo sem resposta e os unicos e-mail`s que me chegam da WizinK sãoe-mail´s fraudulentos, aqueles que mais de uma centena de lesados recebem;

Por fim, 14 de Setembro de 2022 a Wizink abre mais um caso nº 2022091092 e vamos aguardar se à terceira é de vez e fica tudo resolvido.


20 set 2022
Nelson adicionou uma resposta

14 de Julho de 2022 - caso nº 2022071019 / AINDA SEM RESOLUÇAO


20 set 2022
Nelson adicionou uma resposta

17 de Agosto de 2022 - caso nº 2022081345 / AINDA SEM RESOLUÇAO


20 set 2022
Nelson adicionou uma resposta

14 de Setembro de 2022 - caso nº 2022091092 / AINDA SEM RESOLUÇAO


21 set 2022
WiZink adicionou uma resposta

A exposição encontra-se encerrada. Obrigado

21 set 2022
Nelson adicionou uma resposta

Exposição encontra-se encerrada mas sem estar resolvida!

- Consultei o meu e-mail e continuo sem ter acesso às minhas chamadas que fiz para a Wizink desde 23 de Novembro 2021 ate ao presente;
- O processo de fraude continua em analise;
- Continuam a ignorar as cartas do meu advogado;

Ficou evidente a todos usuários do portal de queixa o modos de operar da Wizink. Limitam-se a ignorar as queixas dos clientes, encerram a exposição sem no mínimo, dar uma explicação! Leiam as queixas, vejam as respostas da propria Wizink ao cliente e tiram as vossas conclusões sobre ser ou nao ser cliente Wizink

23 set 2022
Nelson adicionou uma resposta

Vamos ajudar a Wizink e seus colaboradores a fazer contas!

Dia 14 de Setembro de 2022 foi aberto um caso n. 2022091092 como demonstra o anexo em cima. Hoje, é dia 23 de Setembro 2022 já excedeu o prazo máximo de resolução de 7 dias.

Resumindo... banco fraudulento, mentiroso, incompetente e sem responsabilidade perante o cliente.

27 set 2022
Nelson adicionou uma resposta

Excedidos os 7 dias uteis de resolução conforme menciona a Wizink nas suas mensagens (anexo) e via colaboradores nas chamadas efetuadas e gravadas. Mais uma vez, tem que ser o cliente a ir atras da resposta! mais uma vez, ligo para a Wizink no dia 27-09-2022 por volta das 12H ( tempo de pausa do meu trabalho) e sou informado que continua em analise pelo departamento de fraude e em vez de 7 dias de uteis de resolução passam a 15 dias uteis mais uma farsa Wizink porque o que esta escrito por eles é 7 dias uteis e não 15. Começo a suspeitar que não existe nenhum departamento de fraude e deixo um desafio à Wizink que me diga ou diga a todos os lesados como é composto o seu departamento de fraude? Advogado? Jurista? Detetive? Call Center?

Sinceramente, e no que toca ao meu caso esse departamento funciona muito mal porque o cliente avisa no mesmo dia, minutos apos o uso indevido do meu cartão que existe movimentos não autorizados e eles assobiam para o lado mais, na analise dos casos enviam cartas copy past para todos os lesados e por fim, demoram no tempo de resoluçao, não cumprem prazos. Imaginem agora que, o cliente deixa de cumprir prazos de pagamentos? A Wizink contrata empresas externas para nos massacrar com mas de 10 telefonemas por dia como comprova as varias entrevistas nos meios sociais.

Terminando dizer, que a Wizink mais uma vez não cumpre com o cliente. Segue-se em seguida mais uma reclamação para o portal de queixas e banco de Portugal e mais conteudo para ser entregue ao advogado e para a proxima entrevista nos meios de comunicação social.


Nelson está a aguardar resolução da marca

Comentários (3)

Ver perfil de Diana Sousa

Diana Sousa

Sr. Nelson,
É assim que estes senhores ganham a vida: A não resolver as situações da burla, a inventar desculpas de autentificação forte, quando não é verdade. Mandamos reclamação, não respondem. Estou à espera das respostas à meses. Ao que parece ligo ontem: fui ilibada de uma burla que me fizeram mas tenho que pagar as custas do processo de fraude: comissões por recuperação de divida e por passar o plafond. Quando eu fui a burlada. E ao que parece fui ilibada a 3 de agosto e só soube ontem. Não posso cancelar cartão porque tenho de pagar mensalidades de um cartão que não uso desde 2019, e ao que me disseram para estar descansada, que não me cobravam mensalidade. Quando tentei cancelar o cartão da primeira burla, em fevereiro de 2020, não cancelaram. Agora Burla nova de Abril de 2022 e estão a inventar comissões. Que sejam sérios. Não gastei nada do cartão.

Ver perfil de Nelson

Nelson Autor

Infelizmente é o que temos no nosso País! Estamos a falar de uma Wizink que já foi condenada em Espanha por juros altos e casos de burlas e aqui em Portugal eles passam pelos "pingos da chuva" por isso, o aumentos de casos de burlas DIARIOS! Onde anda o banco de Portugal??? Não chega de denúncias, não chega às reportagens televisiveis???

Ver perfil de Diana Sousa

Diana Sousa

Pois lá vamos ter que continuar com as entrevistas, com as queixas crime contra a entidade e não contra desconhecidos e com pedidos de indeminização de saúde, psicológicos e morais. Só assim.