CTT

CTT

CTT - Correios de Portugal, SA - Sociedade Aberta
Prémio Marca Recomendada
Marca do Mês
Prémio Marca Recomendada
Marca do Mês
Ranking na categoria
  • Os CTT têm uma história de quase 500 anos de dedicação, empenho e profissionalismo, para aproximar os portugueses e o mundo. Contamos com um vasto património que tem vindo a acompanhar a evolução dos tempos. A nossa missão é assegurar soluções de comunicação e logística bem como produtos financeiros, de proximidade e excelência e estabelecer relações de confiança e inovação.
    Ligamos pessoas e empresas. Somos desde sempre um importante parceiro, criando soluções inovadoras, que ajudam os negócios a comunicar.

  • 210471616
  • Av. D. João II, n.º 13
    1999-001 LISBOA
Partilhar esta página

CTT - Será que terei de recorrer à barra do tribunal?

Resolvida
35909
4710
António Pinto apresentou a reclamação

A minha reclamação é a seguinte:
Em meados de Junho do corrente ano adquiri dois artigos on-line num site de uma empresa de comércio de gadgets sediada em Hong Kong, a qual os enviou por correio com destino à minha morada.
Entretanto estes, chegados a Portugal, foi avisado pelos ctt correios no dia 01/07/2010 de que ficaram retidos na alfandega referênciados com o nº de local 447170 e do nº de origem RB180760120HK, até apresentação do comprovativo da compra daqueles artigos bem como de um documento de peritagem a um deles por parte da PSP para ser efectuado o seu desalfandegamento, (O artigo sujeito a peritagem em questão é uma imitação de uma pistola em plástico à qual foi atribido o nome de arma, e que estaria sujeita segundo a lei portuguesa à tal peritagem) a qual solicitei de emediato à PSP. O outro artigo é um telemóvel.
Apresentados os referidos documentos julgava eu que estavam reunidass as condições necessárias a esse desalfandegamente e posterior envio da encomenda para a minha morada, uma vez que relativamente à arma manifestei a minha desistencia da mesma à PSP por achar que o valor que paguei não justificava todo o incomodo e burocracia relativamente à sua legalização. Quanto ao outro artigo (o telemóvel) até à data de hoje ainda estou a aguardar que os ctt correios se dignem enviar para a minha morada.
Após variados contactos quer telefónicos quer por email e até por carta, e tendo eles todos os meus contactos (morada, email e telefone) ainda nada obtive de satisfação ou de concrecto como resposta da parte dos ctt correios.
Pergunto. Como terei de proceder de agora por diante para obter o que me pertence por direito? Será que terei de recorrer à barra do tribunal?
Porque muito sinceramente, uma vez que tive conhecimento da possibilidade de reclamar deste assunto por esta via atrvés da internet, julgo que de agora em diante ficaram definitivamente redusidas todas a spossibilidades de reclamar sem ser pela via litigiosa.

Os meus melhores cumprimentos.

António Joaquim Pinto

Esta reclamação foi considerada resolvida

Comentários (0)