Ranking na categoria
Partilhar esta página

CustoJusto.pt - Idoneidade do anunciante

Sem resolução
57954121
293
0 gostos
Olga Kellen apresentou a reclamação

Anúncio para férias Posto por Cristina Brito vossa cliente desde 2011, para apartamento T2 em Praia Verde Algarve.
Em Janeiro de 2020 , paguei 420€ de reserva , ficando o restante para Maio conforme descrito no anúncio,para este apartamento para a semana de 22/8 a 29/8/2020.
Devido à pandemia, ficou acordado com a anunciante, que aquele valor ficaria como reserva para 2021 de 21/8 a 28/8/ 21.
Acontece que este ano desde 7 de Janeiro, houve novo confinamento, e uma enorme gravidade da pandemia,e voltei a falar com Cristina Brito , perguntando se seria possível devolução da reserva, uma vez que não saberia como estaria o Pais nessa altura, à qual me respondeu que não devolveria, o que eu aceitaria, mas eu esperava ter direito a um voucher para quando fosse permitido sair do concelho, o que me foi negado, dizendo que eu tinha desistido portanto a nada teria direito, não sendo sensível ao que o País atravessava, nem ao cumprimento que nos era imposto pelo Governo.
A anunciante a partir desta altura deixou de me responder aos emails, e SMS.
Telefonei-lhe , expus o assunto, desligou o telefone e nunca mais me atendeu.
Tentei então insistir, mas dos telefones dos meus filhos, aí atendia pois desconhecia o número, mas quando me identificava desligava sempre, lamentável duma anunciante no site CustoJusto, falta de dignidade, educação e consideração pelos clientes.
Assim espero consideração pelos clientes do CustoJusto e uma resolução idónea da vossa parte.
Olga
06 abr 2021
CustoJusto.pt adicionou uma resposta

Boa noite,

Agradecemos o seu contacto. Para uma resposta mais directa e optimizada, sugerimos que nos contacte directamente através do nosso serviço de apoio ao cliente, disponível em:

https://www.custojusto.pt/ajuda


Desde já lamentamos a situação que nos reporta. Infelizmente não nos é possível prever o comportamento de determinados utilizadores. Embora a nossa equipa de revisão faça o possível para analisar da melhor forma todas as situações, as informações publicadas e a gestão dos anúncios são sempre de total responsabilidade do anunciante, tal como especificado nos nossos Termos e Condições.

De modo a evitar situações como a que nos relata, recomendamos sempre a consulta das nossas recomendações sobre como comprar e vender em segurança em:

www.custojusto.pt/ajuda.htm?page=compra

Se de algum modo foi lesada, encorajamos também a que apresente queixa junto às autoridades. Oferecemos total cooperação com a polícia nestes casos.

Poderá encontrar os contactos da Polícia Judiciária da localização mais conveniente em:

www.pj.pt/

22 jul 2021
Olga Kellen adicionou uma resposta

Já apresentei queixa através meu advogado às autoridades, o que não invalida que façam diligências junto da Vossa cliente para resolução do assunto, defendendo assim os Vossos clientes compradores de serviços em abono dos mesmos, preservando assim o “ Bom Nome “ do vosso site.
Olga kellen

09 set 2021
A reclamação foi considerada "Sem Resolução" por falta de atividade
Esta reclamação foi considerada sem resolução

Comentários (0)