Endesa

Endesa Energia S.A.

Categoria
Electricidade e/ou Gás - Mercado Livre

Sobre

A Endesa é uma multinacional do setor energético, presente há mais de 20 anos no mercado português, e tem como principais áreas de negócio a geração e comercialização de energia elétrica e gás natural.


Recomenda esta marca?

78
347

Partilhar esta página


Endesa - Avaria do contador e consequente consumo excessivo

Em tratamento
28914719
80
0 gostos
Ana Varela apresentou a reclamação

No dia 23 de maio, recebi da Endesa o documento com o nº de ordem de pagamento 19050310123769799 com um valor de 595,62€, sendo que 528,11€ se referem a eletricidade, resultante de acertos efetuados a partir da leitura real do meu contador efetuada no dia 18 de março. Devido a ter considerado uma quantia despropositada, tendo em conta o meu consumo de eletricidade, procedi a uma análise de todas as minhas faturas desde que sou cliente da Endesa (novembro de 2017). Pude constatar que, quando procedem à leitura real e consequentemente a acertos nas minhas faturas, nunca atingi os valores que constam da fatura atual (nem mesmo enquanto cliente da EDP) e, como não acrescentei nada elétrico à minha casa, pelo contrário, aumentei as lâmpadas de baixo consumo, nada justifica os referidos valores. Por coincidência, no dia 8 de maio, um técnico ao serviço da EDP veio trocar o meu contador, por, segundo o próprio, motivos de avaria. A contagem que o mesmo me forneceu nesta data veio confirmar a referida avaria: fora do vazio - 57.731; vazio - 56.249. É completamente impossível que a contagem efetuada em vazio no dia 8 de maio seja igual à do dia 18 de março, uma vez que trabalhamos e só regressamos a casa a partir das 19:00, que coloco as máquinas de lavar a trabalhar a partir das 24:00 (tenho contador bi-horário) e que também passo a ferro a partir dessa hora. Continuam a apresentar-se como desadequados os valores fora de vazio, uma vez que, desde o dia 18 de março, as temperaturas aumentaram, o que levou a que não fosse mais necessário qualquer tipo de aquecimento, o tempo diário de luz natural também aumentou, o que reduziu o recurso à luz artificial e, entre o dia 22 de abril e o dia 27 de abril não estivemos em casa. A contagem efetuada no dia 4-06-19 do novo contador reiterou que algo de errado se passava com o anterior contador, uma vez que, cerca de 30 dias após a sua mudança, apresentava um consumo em cheio de 279 KW e em vazio de 242 KW, valores dentro dos meus consumos habituais.
Contactei via telefone os serviços de apoio ao cliente da Endesa e foi-me dito que teria de contactar a EDP. Acontece que, desde novembro de 2017, eu não tenho qualquer contrato de eletricidade com a EDP, mas sim com a Endesa, pelo que não é da minha competência contactar esta empresa. Tentei submeter uma reclamação no site da Endesa e não consegui (tentei em diferentes computadores e a horas diferentes). Enviei um e-mail para a Endesa e não obtive qualquer resposta até ao momento a não ser que o pagamento da minha fatura termina a 13-06-19. Enviei mail para a Direção Geral do Consumidor que me aconselhou a entrar em contacto com o Centro de Arbitragem de Conflitos de Consumo, o que pretendo fazer.
Por tudo o que foi acima exposto, tendo em conta as alíneas a) e e) do art.3.º da Lei n.º 24/96, de 31 de Julho (Lei de Defesa do Consumidor), agradeço que procedam à análise da situação com a maior urgência possível, uma vez que não pretendo acumular valores em divída e que pretendo, se a situação não ficar resolvida brevemente, recorrer a instâncias juridicas.
10 Jun2019
Endesa adicionou uma resposta

Estimado cliente,

agradecemos a sua exposição e informamos que a situação apresentada está em análise. Na maior brevidade, entraremos novamente em contacto.

Com os melhores cumprimentos,
Endesa Energia

12 Jul2019
Ana Varela adicionou uma resposta

Venho por este meio informar que, até ao momento, um mês após apresentar a minha reclamação, não obtive qualquer resposta da Endesa, a não ser a ameaça de interrupção do fornecimento de eletricidade a partir da presente data. Parece-me de uma grande falta de profissionalismo o facto de um prestador de serviços públicos essenciais não se dignar analisar e subsequentemente responder a uma reclamação apresentada por um cliente, agravado pelo facto de, por diversas vezes, ter voltado a contactar, via telefone, a Endesa, e continuar a obter a resposta de que tenho de reclamar com a EDP. Toda esta situação ocorreu enquanto cliente da Endesa e não da EDP, pelo que reitero que não é da minha responsabilidade reclamar perante a EDP. No entanto, o tipo de tratamento que está a ser dado a toda esta situação e o conhecimento que tenho de situações semelhantes à minha que ocorreram com clientes da EDP Comercial e que foram prontamente solucionadas, levaram a que decidisse voltar a ser cliente da EDP, não obstante pretender solucionar a situação pendente com a Endesa, nem que para tal tenha de recorrer a meios jurídicos.


Ana Varela está a aguardar resolução da marca

Comentários (0)