Performance da Marca
45.2
/100
Razoável
Razoável
Índice de Satisfação nos últimos 12 meses.
Taxa de Resposta
94,9%
Tempo Médio de Resposta
84,9%
Taxa de Solução
25%
Média das Avaliações
40,6%
Taxa de Retenção de Clientes
43,8%
Ranking na categoria
Geox Portugal Sociedade Unipessoal Lda

GEOX - Devolução de produto com defeito recusada

Sem resolução
1/10
Carlos
Carlos apresentou a reclamação
29 de novembro 2019
Tenho sido cliente regular da loja Geox no Norteshopping e nos últimos anos já comprei centenas de euros de sapatos de criança nessa loja.
Em 23/6/2018 comprei vários pares de sapatos nessa loja para o meu filho e um desses pares era de tamanho superior ao pé dele. Comprei esse par propositadamente pois estava em saldo e sabia que mais tarde o meu filho iria calçar, pelo crescimento normal das crianças.
E de facto em Agosto ou Setembro de 2019 o meu filho já conseguia calçar esses sapatos mas nessa altura notamos que os mesmos tinham um defeito no interior. Pelas queixas do meu filho, verificamos que por cima dos dedos a borracha interior fazia uma espécie de bolha e constatamos logo ser um defeito.
Reclamamos à loja Geox em causa e como eu já não tinha a fatura tive que procurar os movimentos no extracto bancário e por isso demorou-se mais tempo a encontrar a data de compra. No dia 19 de Novembro 2019 lá informei os últimos movimentos bancários e aí constatamos que a data de compra foi a 23/6/2018.
Mas o mais inusitado foi que posteriormente a loja Geox não reconheceu o defeito nas sapatilhas. Disseram que não havia defeito, o que é não é verdade principalmente tendo eu a experiência de utilização de vários pares Geox nos últimos anos. Mesmo perante a minha insistência recusaram-se a reavaliar e mostraram-se irredutíveis.
Além de negar um facto inequívoco do defeito nas sapatilhas tiveram uma atitude amadorismo comercial para com o cliente porque não souberam encontram encontrar alternativas e por causa de 20 a 30 Euros perderam um cliente de centenas de euros. Ainda na semana anterior tinha comprado um par de sapatos e reservado outros. Ambos sem estarem em saldo!
Além disso incumpriram com a legislação em vigor que obriga a um período de dois anos de garantia em qualquer produto, incluindo umas sapatilhas que tinham defeito e não tinham qualquer uso.
Partilho assim a minha experiência para que outros não passem pelo mesmo problema.
Data de ocorrência: 29 de novembro 2019
Carlos
Carlos avaliou a marca
3 de agosto 2022

Péssimo serviço em caso de se encontrar problemas

Esta reclamação foi considerada sem resolução
Comentários
Esta reclamação ainda não tem qualquer comentário.