IRN - Instituto dos Registos e Notariado

IRN - Instituto dos Registos e Notariado

@irn-instituto-dos-registos-e-notariado
Ranking na categoria
  • 217985500
  • Av. D. João II, nº 1.8.01D
    Edifício H
    Campus da Justiça
    Apartado 8295
    1803-001 Lisboa
Partilhar esta página
Esta é a sua empresa? Clique aqui

IRN - Instituto dos Registos e Notariado - Falta de profissionalismo Cartório notarial Lucinda Gravata

Aguarda resposta
77124022
65
Helena Caçador apresentou a reclamação

O serviço prestado por esta entidade é digno de reclamação. Passo a citar, antes do atendimento presencial foi feita a marcação para dia 28 de junho pelas 16h30. Apresentamo-nos com a tradutora à hora marcada. Quando chegamos foi-nos dito que era para o dia seguinte e mostraram-nos uma folha rasurada, com clara alteração de data. Reclamamos e lá fomos atendidos meia hora depois. Neste entretanto, entramos e o meu marido saiu da sala para chamar a tradutora que se encontrava no exterior por estar a receber uma chamada, à porta a funcionária gritos com o meu marido, dizendo-lhe em português que não deveria sair por ali, clara falta de respeito. Já dentro da sala para leitura e tradução do documento, o Sr. Jorge fez questão de falar rápido por forma a testar a tradutora, mal ele sabia, que esta é pessoa altamente qualificada e que fala com fluência 7 línguas. Depois de imprimir o documento, solicitei o mesmo para que a tradutora pudesse traduzir algo que pudesse estar em falta. Esta solicitação foi mal entendida e o Sr. disse “ então quando terminarem avisem-me, que tenho mais que fazer!” ainda se virou para o meu marido quando este o questionou “não fale inglês, está em Portugal”. Pergunto-me se esta atitude é uma atitude digna? Ou se por outro lado se devia ao facto do meu marido ser da Jordânia e a tradutora da Tunísia. Senti na pele descriminação. Quando terminamos a leitura e tradução do documento, dirigi-me à secretaria e solicitei a presença do Sr. Jorge, mais uma vez a voz foi levantada, não é Sr. é Dr. . Esta situação mostra falta de respeito pelas pessoas que são atendidas, por mim, pelo meu marido, eu simplesmente me recuso a tratar um licenciado por dr., doutorado é o meu marido e eu entretanto e fomos tratados de forma desumana. O meu marido sentiu de forma acentuada descriminação, algo que tem ocorrido com muito frequência em serviços como estes. É de lamentar. Para terminar o preço do serviço foi 150 euros, 50 euros a mais do que nos foi informado no dia da marcação.
Helena Caçador está a aguardar resposta da marca

Comentários (0)