Performance da Marca
N/A
/100
Sem dados
Sem dados
Índice de Satisfação nos últimos 12 meses.
Taxa de Resposta
100%
Tempo Médio de Resposta
33,3%
Taxa de Solução
66,7%
Média das Avaliações
45%
Taxa de Retenção de Clientes
50%
Ranking na categoria
1 Nobre 90.6
2 Caçarola 66
3 Saludães 65.1
...
NestumN/A
Nestlé, S.A

Nestum - A mesma embalagem e quantidade diferente

Resolvida
1/10
Anabela
Anabela apresentou a reclamação
4 de novembro 2022
Exmos. Senhores. Nestlé,
Sou consumidora fiel da vossa marca Nestlé, desde cereais, papas, iogurtes, comidas para bebes, chocolates, etc, etc., há muitos anos, pois aparte de um pequeno incidente no passado, confio na qualidade dos vossos produtos. Contudo, dei conta que estou há algum tempo a ser lesada/enganada. As embalagens de Nestum mel de 2packs traziam sempre a quantidade de 700g, a menos que a caixa dissesse que tinha extra mais 100 ou 200g.
Ora eu que faço celeiros de nestum cá em casa, como tem muita validade aproveito as promoções, vim a dar conta que a mesma embalagem rigorosamente igual no seu aspeto e forma diz 600g em vez de 700g.
Neste momento das 20 caixas que tenho cá em casa só uma tem 700g. Isto é uma forma subtil de enganar o consumidor, e é isso que eu me sinto, enganada e burlada.
Para não falar das que compro para a minha avó e para a casa da minha sogra.
Isto não se faz. Quando vocês querem colocar uma quantidade superior colocam na caixa a publicidade bem visivel "100g extra" por exemplo. Ao contrário, completamente caladinhos.
Junto envio fotos de caixas que tenho ca em casa e o respetivo celeiro.
Esta atitude da vossa parte não vai de encontro com os principios pelos quais penso que se rege a Nestlé.
Sinto-me lesada e pretendo ser compensada por isso, no mínimo inadmissível, para além de estarem a passar um atestado de burrice ao consumidor.
Aguardo uma resposta célere.
Cumprimentos.
Anabela Gouveia
Data de ocorrência: 4 de novembro 2022
Anabela
4 de novembro 2022
Junto anexo de duas caixas onde a única diferença está no peso.
Anabela
4 de novembro 2022
Junto anexo de duas caixas onde a única diferença está no peso.
Nestum
4 de novembro 2022
Cara Srª Anabela Gouveia,

Agradecemos o seu contacto .

Teremos todo o gosto em esclarecê-la quanto à temática exposta, pelo que, iremos contactá-la brevemente.

Com os melhores cumprimentos,

NESTLÉ Serviço ao Consumidor
800 203 591 ( grátis)
08:30 às 20:30 (Segunda a Sábado, exceto feriados)
Anabela
4 de novembro 2022
Acabaram de me ligar da Nestlé, a tentar desculpar-se, dizendo que, dado o contexto económico em que nos encontramos, houve necessidade de reduzir 100g por caixa para diminuir os custos de produção, e como a redução não era significativa não foi obrigatório alterar a caixa.
Então se estamos a falar de custos de produção, e já que a quantidade de Nestum por caixa é menor, sendo que já com as 700g vinha bem "folgado" agora com as 600g ainda mais, porque não reduzem o tamanho da caixa de cartão? Que eu saiba quanto maior for a caixa maior o custo uma vez que é preciso mais material para fazer a mesma. Para além disso até dá mais jeito a arrumar em casa e nas prateleiras dos hipermercados. A ideia é simplesmente ilusão otica do consumidor que há anos está habituado a comprar aquela caixa com aquele peso e agora sem dar conta, compra a mesma caixa com um peso diferente! A não redução do tamanho da caixa, embora não obrigatória pois a quantidade não é significativa para tal, vem contradizer a vossa teoria da redução de custos. Menos cartão, menos timbragem, menos tinta, menor custo de produção. Só que não interessa esta parte, mais vale lesar os clientes subtilmente.
Não estava à espera desta resposta vinda da Nestlé, muito menos da forma como a funcionária falou comigo.
A melhor publicidade é o passa a palavra para o bem e para o mal. A imprensa também faz o seu trabalho. Se não fosse assim, não haveria trabalho para todos.
Agradeço o tempo dispensado, que apesar de pouco, a forma como falaram pareceu uma eternidade.
Adeus Nestlé.
Cumprimentos.
Anabela
4 de novembro 2022
Acabaram de me ligar da Nestlé, a tentar desculpar-se, dizendo que, dado o contexto económico em que nos encontramos, houve necessidade de reduzir 100g por caixa para diminuir os custos de produção, e como a redução não era significativa não foi obrigatório alterar a caixa.
Então se estamos a falar de custos de produção, e já que a quantidade de Nestum por caixa é menor, sendo que já com as 700g vinha bem "folgado" agora com as 600g ainda mais, porque não reduzem o tamanho da caixa de cartão? Que eu saiba quanto maior for a caixa maior o custo uma vez que é preciso mais material para fazer a mesma. Para além disso até dá mais jeito a arrumar em casa e nas prateleiras dos hipermercados. A ideia é simplesmente ilusão otica do consumidor que há anos está habituado a comprar aquela caixa com aquele peso e agora sem dar conta, compra a mesma caixa com um peso diferente! A não redução do tamanho da caixa, embora não obrigatória pois a quantidade não é significativa para tal, vem contradizer a vossa teoria da redução de custos. Menos cartão, menos timbragem, menos tinta, menor custo de produção. Só que não interessa esta parte, mais vale lesar os clientes subtilmente.
Não estava à espera desta resposta vinda da Nestlé, muito menos da forma como a funcionária falou comigo.
A melhor publicidade é o passa a palavra para o bem e para o mal. A imprensa também faz o seu trabalho. Se não fosse assim, não haveria trabalho para todos.
Agradeço o tempo dispensado, que apesar de pouco, a forma como falaram pareceu uma eternidade.
Adeus Nestlé.
Cumprimentos.
Anabela
5 de novembro 2022
Continuo sem perceber porque não tenho resposta na questão da redução de custos da caixa. Em qualquer situação mais material custa mais dinheiro, a não redução da caixa, implica estar a pagar mais mais custos da mesma, mas como não é obrigatório reduzir a caixa pois a quantidade de Nestum que vem a menos não é significativa, compensa que o cliente veja o mesmo tamanho de caixa e nem repare na diminuição do peso do que a diferença de custo de a caixa maior para uma mais pequena.
Enfim, mil e uma formas de "enganar o cliente legalmente". Vou fechar a reclamação, não porque ficasse resolvida mas porque não me vou chatear mais com isto. A melhor reclamação sem o devido acompanhamento é deixar de ser cliente. E passar a publicidade.
Fiquem bem. Há muita oferta no mercado.
Anabela
Anabela avaliou a marca
5 de novembro 2022

A reclamação não ficou resolvida, apesar de me terem ligado a dar uma explicação, quanto a mim descabida e a forma arrugante como o fizeram só mostra que nem vale a pena perder mais do meu tempo que é precioso. A melhor reclamação é deixar de ser cliente. Fiquei extremamente desiludida. Muita mais gente haverá.

Esta reclamação foi considerada resolvida
Comentários
Esta reclamação ainda não tem qualquer comentário.