Marca Recomendada
Marca do Mês
Ranking na categoria
  • 16990
  • Rua Ator António Siva, n.º 9
    Campo Grande, 1600-404 Lisboa
Partilhar esta página

Optimus - Vou avançar com queixa no tribunal!!!

Resolvida
80609
4517
Andre Goncalves apresentou a reclamação

Em 2008 adquiri um pen Kanguru numa loja optimus. Usei durante uns meses mas depois resolvi mudar para outro serviço com melhores condições. surgiu um interessado em ficar com a pen e fomos a uma loja optimus (Setúbal) para se proceder a transferência da pen para o novo utilizador. Preenchemos um impresso que nos foi dado tiraram copias dos documentos de ambos e foi nos dito que iam enviar um fax para a central e que agora o novo utilizador poderia comecar a usar a net.
Até aqui tudo muito certo.
Deixei de me preocupar com a pen e até a data não recebi nenhum telefonema carta ou mail da optimus. a única coisa que recebi foi agora em 5-2011 uma penhora de vencimento por uma divida de internet que não me pertence. Contactei o actual proprietário da pen que me disse k realmente não pagou umas facturas mas que também não recebeu aviso nenhum. Agora pergunto eu, a divida existe é certo e teria de ser paga mas o que tenho eu a ver com este processo? liguei ao contencioso da optimus e a senhora que me atende depois de lhe explicar a situação pede desculpa e diz que realmente esta registado no sistema uma alteração de proprietário e que vão já resolver. Passado umas horas liga me alguem muito antipático do contencioso da optimus a  que me disse que a divida era minha porque a alteração de titular não tinha sido valida em 2008 por falta de um contrato do novo titular e assim eles apenas assumiram o impresso preenchido em 2008 como uma alteração de morada. ou seja mudaram a morada mas o meu nome continuou associado a pen isto sem sequer me avisarem de nada, nem a mim nem ao novo titular. não seria de bom tom enviarem uma carta registada a informar? não devia ter recebido um aviso antes da penhora? a optimus nem tentou negociar a divida.
actualmente o caso vai seguir para tribunal tendo o actual proprietário como minha testemunha abonatória pois ficou tão indignado como eu.
Sujaram o meu bom nome, mancharam a minha reputação no trabalho e criaram um ambiente de desconfiança no local de trabalho. Vou avançar com queixa no tribunal e pedir uma indemnização por difamação e danos morais.
Não se pode agir assim de má fé como a optimus está a agir....
Só para terminar a divida de internet rondava os 300 euros agora cobram 1100
Enriquecer assim é fácil

André Goncalves

27 fev 2015
Andre Goncalves avaliou a marca

1/10

Não

Voltaria a fazer negócio?

Ate ao dia de hoje continuo sem resposta e sem resoluçao...

Esta reclamação foi considerada resolvida

Comentários (1)

Ver perfil de Nuno Marques

Nuno Marques

Caríssimo estou com um processo idêntico mas a mim penhoraram-me o reembolso do IRS, já accionei os meios legais, pois a Optimus e os seus solicitadores burlões não estão acima da lei e não podem fazer o que lhes apetece e enriquecer à custa dos outros.

A lei é muito clara, não basta afirmar que o executado tinha conhecimento do processo, este tem de ser devidamente Notificado para que da penhora tenha direito de se opor, ao não ter sido notificado a respectiva penhora torna-se nula, (art.ºs 863º A, 863º B, 838, N.º 1 do Código de Processo Civil.

Mais ainda pelos prazos decorridos e segundo a legislação vigente, qualquer divida que possa possuir com a mesma, já se encontra prescrita, e ao contrário do que acontece na caducidade, o credor fica impossibilitado de exigir o direito ao crédito, judicial ou extrajudicialmente.