Performance da Marca
N/A
/100
Sem dados
Sem dados
Índice de Satisfação nos últimos 12 meses.
Taxa de Resposta
100%
Tempo Médio de Resposta
0%
Taxa de Solução
100%
Média das Avaliações
10%
Taxa de Retenção de Clientes
0%
Ranking na categoria
1 Caixiave 81.8
...
PortigradeN/A
Portigrade – Portas e Grades, Lda
Esta é a sua empresa? Clique aqui

Portigrade - Danos causados

Resolvida
1/10
Mónica Freitas
Mónica Freitas apresentou a reclamação
10 de novembro 2022
Solicitei um orçamento à referida empresa para colocar grades nas portas e janelas de uma moradia. A montagem foi marcada para dia 20 de outubro as 10h00, nesse dia desloquei-me propositadamente ao espaço e perto das 11h recebo uma chamada a informar que houve um imprevisto e que a montagem tem que ser remarcada. Obviamente que não concordei pois tive que me deslocar do Alentejo, fazer um percurso de 120km, numa situação de gravidez de risco com 7 meses. Assim, lá foi possível fazer a montagem nesse dia mas apenas às 14h, o que causou todo um transtorno. O trabalho foi realizado em 2 h, a montagem de grades em 5 janelas e 1 porta, tal era a pressa para a realização do mesmo. No final fiquei com uma parede da cozinha estragada, o rodapé de um dos quartos mal cortado e o silicone mal colocado. Falei com a pessoa responsável por estas situações, não dei grande importância aos rodapés e silicone, mas enviei uma foto da parede da cozinha para que fosse efetuada reparação e qual não é o meu espanto quando hoje recebo um telefonema da mesma pessoa com a informação de que a empresa não se quer responsabilizar por tal situação, causada pelo seu funcionário? O quê? Não têm seguro para cobrir estas situações? Não assumem e não resolvem as situações? De facto a atitude do funcionário não foi a melhor quando eu lhe referi que me tinham estragado a parede. Para além de não me ter referido a situação, ainda limpou o que caiu da mesma para ver se eu não percebia. Enfim é triste, atitudes destas são condenáveis e empresas destas ainda mais porque não querem assumir os estragos. Que vergonha
Data de ocorrência: 10 de novembro 2022
Mónica Freitas
25 de novembro 2022
Já passaram 15 dias e continuamos sem uma resposta e a situação por resolver. Provavelmente teremos que recorrer a outra via para que procedam à reparação da parede.
Mónica Freitas
Mónica Freitas avaliou a marca
27 de janeiro 2023

a situação ficou resolvida, a marca apresentou a situação à seguradora

Esta reclamação foi considerada resolvida
Comentários
Esta reclamação ainda não tem qualquer comentário.