Ranking na categoria
  • Nascemos em 1977, e não paramos de crescer. Da primeira loja na Rua do Loureiro à mais recente em Vila do Conde, estamos cada vez mais próximos dos portugueses.

    Fomos uma das primeiras empresas portuguesas a aderir ao comércio eletrónico, tornando a consulta, comparação e escolha dos produtos ainda mais fácil e conveniente. Desde 2004 que pode encontrar-se connosco online, a partir de qualquer parte. Que tal agora?

  • 229409600
  • Aguda Parque - Largo de Arcozelo, 76, Edifício E
    4410-455 Arcozelo, Vila Nova de Gaia
  • cliente@radiopopular.pt
Partilhar esta página

Radio Popular - 3 meses sem entregar produto pago em avanço

Sem resolução
55564521
190
Vasco Cardoso apresentou a reclamação

Máquina lavar roupa encastre Whirlpool bi wmwg 9148e eu

No dia 20 de Novembro 2020, desloquei-me por volta das 13h à loja da Radio Popular do Planet Retail Park Barreiro, com propósito de adquirir uma máquina de lavar roupa de encastre Whirlpool que se encontrava em campanha promocional.

Foi-me solicitado o pagamento integral em avanço no valor de 449,99€ e o vendedor combinou comigo que durante o período da tarde desse mesmo dia me iria contactar para me informar qual seria a data de entrega prevista, o que não se veio a verificar.

No final de novembro/início de dezembro, não tendo recebido a informação nem o contacto que me tinha sido prometido pelo vendedor, entrei em contacto com o único número de telefone disponibilizado pela Rádio Popular, a linha de apoio, expondo a situação e solicitando a informação de qual a previsão de entrega.

A Rádio Popular não disponibiliza os contactos telefónicos diretos da loja, apenas ficando disponivel para o consumidor/cliente o número da linha de apoio, que vim a descobrir que nestes casos é manifestamente insuficiente e desresponsabiliza, tanto os operadores desta linha de apoio, como os vendedores da loja onde o cliente adquiriu os seus bens.

Ao contactar a linha de apoio pela primeira vez, a operadora informou-me que iria encaminhar a minha solicitação para a loja, para que fosse contactado diretamente por esta.

Não tendo existido contacto por parte da loja, voltei a contactar a linha de apoio no dia seguinte para solicitar que o fizessem. No dia seguinte da parte da manhã recebi um contacto da loja , a informarem-me que me iriam contactar na parte da tarde desse mesmo dia com a informação da data prevista de entrega, algo que não aconteceu.

Compreendi nesta altura que não faria sentido continuar a insistir na obtenção de uma informação que claramente ainda não existia e decidi esperar pacientemente por um contacto por parte da loja.

Não tendo recebido mais qualquer contacto após um mês e meio da minha compra, mais precisamente no dia 5 Janeiro (3ª feira) de manhã, voltei a contactar a linha de apoio, onde me foi indicado exatamente o mesmo que me tinha sido indicado nas vezes anteriores, que iriam comunicar o problema à loja para que entrassem em contacto comigo, algo que não aconteceu.

Repeti o contacto para esta linha de apoio nos três dias seguintes (6 janeiro, 7 janeiro e 8 janeiro), sem nunca neste período ter recebido um contacto por parte da loja, até que decidi deslocar-me à loja no sábado dia 9 janeiro, e pedi para falar com o responsável da loja.
Como responsável da loja foi-me apresentado o Sr. Bruno Dias, ao qual pedi que me apresentasse uma solução para o problema naquele mesmo dia. O Sr. Bruno Dias propôs devolver-me o dinheiro da compra, cenário que para mim é inaceitável visto ter efectuado a compra porque tinha necessidade do equipamento e tendo nessa altura passado cerca de um mês e meio desde a data do meu pagamento, esperei que o pior já tivesse passado. Dei igualmente conta ao Sr. Bruno Dias que uma solução que passasse por um reembolso do dinheiro deveria contemplar o valor não promocional do equipamento acrescido de juros à taxa legal, despesas de lavandaria, tempo dispendido, gasolina, ... Combinámos então que o Sr. Bruno Dias iria contactar-me na 2ª feira dia 11 janeiro após obter junto do fabricante a informação da data prevista de entrega.

No domingo dia 10 janeiro às 10h00, fui contactado pelo Sr. Bruno Dias indicando que na 2ªfeira estaria de folga e se poderia ligar-me na 3ª feira 12 janeiro. Algo a que acedi.

3ªfeira 12 janeiro recebo o contacto do Sr. Bruno Dias, sem qualquer tipo de informação relevante, tendo voltado a contactar-me novamente nessa mesma semana sem qualquer tipo de informação revelante ou indicação de uma previsão do prazo de entrega. Combinámos um acompanhamento e contacto semanal até à conclusão deste tema.

5ªfeira 21 janeiro recebo o contacto de um colega do Sr. Bruno Dias, igualmente com primeiro nome Bruno, onde me deu a previsão que a meados de fevereiro me contactaria com a informação da previsão de entrega. Dei-lhe conta da minha insatisfação de (nessa altura) passados 2 meses apenas me darem previsões de previsões e pedi que continuassem a insistir junto do fabricante e que continuássemos a acompanhar este tema semanalmente. O Bruno acedeu mas não cumpriu e até ao dia de hoje (17 fevereiro) não voltei a ser contactado pela Radio Popular e continuo sem qualquer visibilidade de quando será entregue o equipamento cujo pagamento me foi solicitado integralmente há 3 meses.

Hoje (17 fevereiro 2020) voltei a contactar a linha de apoio que mais uma vez seguiu o seu procedimento (ineficiente e ineficaz) de comunicar à loja o problema para que me contactem.

Conclusão:
- a Radio Popular comercializa equipamentos, os quais cobra em avanço, sem ter qualquer garantia de quando ou sequer se os pode entregar aos seus clientes
- a impossibilidade de contactar as lojas diretamente desresponsabiliza os vendedores/trabalhadores da loja, que não trabalham nem têm a mínima preocupação na resolução dos problemas que criam aos seus clientes
- a postura da Radio Popular para mim como cliente tem sido incorrecta, desonesta e inaceitável
- passados cerca de 3 meses continuo sem o equipamento que paguei na totalidade há 3 meses atrás, nem visibilidade de quando será entregue

Espero que uma reclamação por esta via permita uma resolução do meu problema mais expedita do que a que (não) se verificou até agora
17 fev 2021
Radio Popular adicionou uma resposta

Acusamos a receção da sua reclamação, a qual se encontra em análise, pelo que daremos resposta à mesma, o mais breve possível.
Para qualquer esclarecimento, agradecemos o contacto através do email cliente@radiopopular.pt

Com os melhores cumprimentos,

Serviço de Apoio ao Cliente +351 22 040 30 40
e-mail: cliente@radiopopular.pt
www.radiopopular.pt

17 fev 2021
Vasco Cardoso editou a reclamação
17 fev 2021
Vasco Cardoso editou a reclamação
19 fev 2021
Radio Popular adicionou uma resposta

Estimado Sr.,

Agradecemos o seu contacto.

Verificamos que a situação reportada já foi esclarecida, através do canal de comunicação disponível para esse efeito. Assim este processo será dado como encerrado.

Lamentamos o transtorno causado por toda a situação.

Com os melhores cumprimentos,
Serviço de Apoio ao Cliente +351 22 040 30 40
www.radiopopular.pt

19 fev 2021
Radio Popular alterou o estado para Resolvida
19 fev 2021
Vasco Cardoso adicionou uma resposta

5ª feira 18 Feveiro - voltei a contactar a linha de apoio que mais uma vez se demonstrou incapaz de resolver o problema. Passado cerca de uma hora, fui contactado pela loja que me indicou que a informação que me tinham dado a 21 de Janeiro, que teria uma previsão de entrega a meados de fevereiro, era afinal uma mentira e que não tinham previsão de entrega.

As opções propostas para resolução deste problema foram as seguintes:
1 - esperar indefenidamente pela entrega deste artigo - depois de 3 meses de espera é no mínimo inaceitável e não é uma opção
2 - selecionar outro artigo do mesmo valor - apenas estou disposto a aceitar um artigo com as mesmas características do adquirido sem qualquer acréscimo de preço. Não me foi apresentada nenhuma opção com as mesmas características e mesmo valor.
3 - reembolso do valor pago a 20 Novembro - tal como mencionado na minha reclamação original, uma solução que passe por um reembolso do dinheiro deverá contemplar o valor não promocional do equipamento acrescido de juros à taxa legal, despesas de lavandaria, tempo dispendido, gasolina, ... Estive privado do montante que paguei e de máquina de lavar roupa nos últimos 3 meses, se era para receber o valor de volta, não tinha abdicado dele há 3 meses atrás.

Peço encarecidamente à Rádio Popular que não volte a encerrar esta reclamação sem escrever neste Portal da Queixa qual a solução proposta e aceite pelo vosso cliente, neste caso por mim próprio.

19 fev 2021
Vasco Cardoso reabriu a reclamação
26 fev 2021
Radio Popular adicionou uma resposta

Estimado Sr.,

Agradecemos o seu contacto.

Verificamos que a situação reportada já foi esclarecida, através do canal de comunicação disponível para esse efeito. Assim este processo será dado como encerrado.

Lamentamos o transtorno causado por toda a situação.

Com os melhores cumprimentos,
Serviço de Apoio ao Cliente +351 22 040 30 40
www.radiopopular.pt

26 fev 2021
Radio Popular alterou o estado para Resolvida
26 fev 2021
Vasco Cardoso adicionou uma resposta

Não me foi apresentada nenhuma solução para este problema que considere aceitável.

Lamentavelmente constato que encerraram este reclamação, sem terem motivo para o fazer, incrementando a desonestidade demonstrada no decurso deste processo, para com a minha pessoa.

Tal como solicitado na minha reabertura de reclamação anterior, peço encarecidamente à Radio Popular que não volte a encerrar esta reclamação sem escrever neste Portal da Queixa qual a solução proposta e aceite pelo vosso cliente, neste caso eu próprio.

26 fev 2021
Vasco Cardoso reabriu a reclamação
01 mar 2021
Radio Popular adicionou uma resposta

Radio Popular
Estimado Sr.,

Agradecemos o seu contacto.

Verificamos que a situação reportada já foi esclarecida, através do canal de comunicação disponível para esse efeito. Assim este processo será dado como encerrado.

Lamentamos o transtorno causado por toda a situação.

Com os melhores cumprimentos,
Serviço de Apoio ao Cliente +351 22 040 30 40
www.radiopopular.pt

01 mar 2021
Radio Popular alterou o estado para Resolvida
01 mar 2021
Vasco Cardoso adicionou uma resposta

Não me foi apresentada nenhuma solução para este problema que considere aceitável.

Lamentavelmente constato que encerraram este reclamação pela 3ªvez, sem terem motivo para o fazer, visto o problema não se encontrar resolvido, incrementando ainda mais, a desonestidade demonstrada no decurso deste processo.

Tal como solicitado nas reaberturas anteriores desta reclamação, peço encarecidamente à Radio Popular que não volte a encerrar esta reclamação sem escrever neste Portal da Queixa qual a solução proposta e aceite pelo vosso cliente, neste caso eu próprio.

01 mar 2021
Vasco Cardoso adicionou uma resposta

Não me foi apresentada nenhuma solução para este problema que considere aceitável.

Lamentavelmente constato que encerraram este reclamação pela 3ªvez, sem terem motivo para o fazer, visto o problema não se encontrar resolvido, incrementando ainda mais, a desonestidade demonstrada no decurso deste processo.

Tal como solicitado nas reaberturas anteriores desta reclamação, peço encarecidamente à Radio Popular que não volte a encerrar esta reclamação sem escrever neste Portal da Queixa qual a solução proposta e aceite pelo vosso cliente, neste caso eu próprio.

01 mar 2021
Vasco Cardoso alterou o estado para Sem resolução
01 mar 2021
Vasco Cardoso avaliou a marca

1/10

Não

Voltaria a fazer negócio?

- a Radio Popular comercializa equipamentos, os quais cobra em avanço, sem ter qualquer garantia de quando ou sequer se os pode entregar aos seus clientes
- a impossibilidade de contactar as lojas diretamente desresponsabiliza os vendedores/trabalhadores da loja, que não trabalham nem têm a mínima preocupação na resolução dos problemas que criam aos seus clientes
- a postura da Radio Popular para mim como cliente foi desleal, incorrecta, desonesta e inaceitável
- passados 101 dias continuo sem o equipamento que paguei na totalidade no ato da compra, nem visibilidade de quando será entregue

Esta reclamação foi considerada sem resolução

Comentários (0)