Segurança Social

Ranking na categoria

Categoria
Serviços Sociais e de Previdência

Sobre

Canal não oficial da Segurança Social.
Para um contacto direto use o portal Segurança Social Direta


Telefone: 300 502 502

Morada
Rua Rosa Araújo, 43
1250-194 Lisboa

Website
https://www.seg-social.pt/consultas/ssdirecta/

Recomenda esta marca?

315
490

Partilhar esta página

Esta é a sua empresa? Clique aqui

Segurança Social - Reembolso dos 5% retirados da baixa

Aguarda resposta
409113
1650
0 gostos
Liliana Nogueira apresentou a reclamação

Em Janeiro de 2013, o estado retirava 5% das baixas e 6% dos subsidios de desemprego. Entretanto essa lei foi chumbada pelo tribunal consticional, e li em Abril de 2013 que iam reembolsar aquilo que tinha retirado aos contribuintes. Na semana passada liguei para a segurança social, para saber quando me iam reembolsar o dinheiro que me retiraram quando eu me encontrava de baixa de gravidez de risco. Pediram para ligar esta semana para me dizerem quando iam reembolsar e quanto no total. Hoje dia 19 de Agosto de 2013, liguei novamente para a segurança social, ao qual quem me atendeu disse que não sabia de nada e passou a sua monitora. A sua monitora disse-me que tinham feitos acertos em Maio, ao qual eu respondi que isso tinha sido o subsidio de maternidade ou ajuste da baixa, visto eu ter sido mãe a 11 de Maio de 2013. O valor que a segurança social retirou quando essa lei estava em vigor é de 722.13€. Gostava de saber em que ficamos, porque quando é para retirar-nos dinheiro é logo na hora, na altura de que devem reembolsar nunca sabem de nada. Não estamos a falar de 1 cêntimo mas de 722.13€, dinheiro essa que é meu e que têm que o reembolsar e ninguem sabe nada e ninguem faz nada. O mais incrivel é que enquanto eu estou a aceder a pagina da segurança social direta e estou ao telefone com a monitora esta diz-me que não encontra nada relativo a esse valor e eu a minha frente estou a ver o meu processo. Estou indignada com esta situação pois desconto como todos neste país, retiram dinheiro quando querem e quando a lei é chumbada pelo tribunal consticional, recusam a devolver o nosso dinheiro.

Liliana Nogueira está a aguardar resposta da marca

Comentários (0)