TAP

TAP

Transportes Aéreos Portugueses, SGPS S.A
Ranking na categoria
Partilhar esta página
Esta é a sua empresa? Clique aqui

TAP - Reembolso de montante pago

Sem resolução
47501720
158
0 gostos
Luísa Barros apresentou a reclamação

Venho, por este meio, solicitar o reembolso do montante total pago por voos de ida-e-volta na TAP, uma vez que a companhia não assume a informação de cancelamento de voos no passado dia 14 de setembro de 2020. Senão vejamos:
1) Fiz uma reserva – JEG93D – no passado dia 11 de fevereiro para os dias 25 e 27 de setembro com destino Funchal-Faro-Funchal com o valor de 547,20€;
2) No dia 14 de agosto, os horários dos voos foram alterados uma 1.ª vez, seguiu-se uma nova alteração a 20 de agosto e uma 3.ª alteração a 25 de agosto;
3) De facto, apesar do transtorno com as sucessivas alterações, aceitei-as a todas, mantendo a minha reserva;
4) No dia 14 de setembro, às 21h08 minutos, consultei o site oficial www.flytap.com, através das opções “Gerir Reserva”, na minha sessão, com o meu login, e constatei o CANCELAMENTO dos voos: FUNCHAL-LISBOA TP1692 no dia 25 de setembro e FARO-LISBOA TP1906 no dia 27 de setembro. Este facto pode e é comprovado pelo print-screen na referida data e hora (Conf. Anexo 4). Este facto não pode ser ignorado ou nem tão pouco tido em conta.
5) Tendo em conta as três vezes em que houve alterações de horários por parte da TAP e a atual situação pandémica, não estranhei o cancelamento dos voos no passado dia 14 de setembro.
6) Mas face a este CANCELAMENTO, no dia 15 de setembro, contactei a TAP, através do contacto 221 234 400, no entanto, não obstante as várias tentativas e os vários minutos em espera, não foi possível falar com um operador.
7) No dia 18 de setembro, remeti uma reclamação, no site oficial www.flytap.com, pedindo o reembolso total do valor pago pelos voos dos dias 25 e 27 de setembro, uma vez que os mesmos haviam sido CANCELADOS unilateralmente pela TAP (reclamação com a referência 2020-0001285347). A esta reclamação não foi dada uma resposta em tempo útil, anunciando apenas “Alertando que, devido ao elevado número de mensagens que estamos a receber, o tempo de resposta poderá ser superior ao normal. Tentaremos responder o mais breve possível.”.
8) Tendo em conta este CANCELAMENTO, anulei as minhas reservas de estadia na zona do Algarve e cancelei os meus compromissos previstos para os dias 25 a 27 de setembro.
9) Na manhã do dia 25 de setembro, recebo no meu telemóvel um boarding pass para o voo FUNCHAL-LISBON que havia sido CANCELADO 10 dias antes e, na manhã do dia 26 de setembro, recebo no meu telemóvel um boarding pass para o voo FARO-LISBON que havia sido CANCELADO 12 dias antes. Obviamente, que só pode ter sido erro informático da companhia TAP, uma vez que os referidos voos tinham sido previamente cancelados a 14 de setembro.
10) Face ao exposto, o caso da minha reclamação não está de todo finalizado. Perante o CANCELAMENTO dos meus voos levado a cabo pela companhia, solicito o reembolso integral do montante pago, ou seja, 547,20€ através de transferência bancária.
21 dez 2020
Luísa Barros adicionou uma resposta

Continuo à espera de uma resposta da TAP e a devolução do montante pago pelos voos, uma vez que estes foram cancelados pela companhia aérea.

10 fev 2021
A reclamação foi considerada "Sem Resolução" por falta de atividade
12 fev 2021
Luísa Barros avaliou a marca

1/10

Não

Voltaria a fazer negócio?

A TAP é uma companhia portuguesa, ainda que pública, está a prestar um mau serviço aos cidadãos, quer em tempos de cumprimento de horários, de agendamento/cancelamento de voos, de informação prestadas aos clientes e acompanhamento dos clientes. Não honra o seu serviço nem merece a consideração dos portugueses. Não reconhece o erro que cometeu relativamente à minha situação em particular. Nem vou falar na sua atual situação financeira, nem da gestão da mesma por gestores incompetentes, não vou falar dos "ávidos" acionistas da TAP, nem da iminente intervenção do Governo português, do Estado, do "Zé" melhor dizendo...uma empresa lamentável.

Esta reclamação foi considerada sem resolução

Comentários (0)