Ranking na categoria
  • Avenida António Augusto de Aguiar, 17, 5. Dto
    1050-012 Lisboa
Partilhar esta página

Uber Eats - Entrega cobra e nunca entregue

Resolvida
75440422
76
0 gostos
Susana Campos apresentou a reclamação

Hoje, pela segunda vez, a Uber Eats cobrou-me por uma entrega que nunca me chegou. Fiz a encomenda através da minha conta, no computador. A morada e o número de telefone estão correctos, tanto assim que já me têm sido entregues diversas encomendas através deste serviço. O estafeta, aparentemente, tentou contactar-me através da app, mas eu não tinha a app instalada (o que, aparentemente, não é imprescindível, ou não aceitariam encomendas por outros canais). Nunca me telefonou nem tocou à porta, mas marcou a encomenda como entregue. Ao pedir ajuda (tive que desinstalar 3 aplicações no meu velho smartphone para ter espaço para a Uber Eats, pois apesar de aceitarem encomendas por outros canais, não enquadram reclamações sem ser pela app), a Uber Eats respondeu que o meu caso não merecia reembolso.
23 mai 2022
Uber Eats adicionou uma resposta

Olá, Susana.

Verificamos que já entrou em contacto com a nossa equipa de suporte pelo que pedimos que caso ainda tenha alguma questão, entre em contacto com a mesma através da secção Ajuda da sua aplicação, do endereço https://help.uber.com/eaters ou respondendo à mensagem da equipa de suporte.

Equipa Uber Eats.

23 mai 2022
Susana Campos adicionou uma resposta

A situação foi resolvida, mas não pela Uber Eats, que insistiu na sua versão errónea dos eventos. Foi resolvida pela PayPal, à qual a linha de pagamento estava ligada, e que resolveu a disputa a meu favor.

23 mai 2022
Uber Eats alterou o estado para Resolvida
23 mai 2022
Susana Campos avaliou a marca

1/10

Não

Voltaria a fazer negócio?

O facto de já ter sido recipiente de diversas encomendas indica que as informações por mim providenciadas são suficientes, pelo que a marca não pode imputar-me responsabilidade pelas dificuldades dos parceiros em efectuar a entrega. A marca permite compras através webpage, o que implicaria dispor de um canal de comunicação online (não existe), ou por telefone, o qual foi disponibilizado. Se a opção dos parceiros de entrega pelo canal de comunicação é discricionária e estes optam pela app quando esta nem sequer está instalada pelo utilizador, qualquer falha de comunicação não deve ser imputada ao comprador. Foi este o caso, já por duas vezes, motivo pelo qual não voltarei a recorrer à Uber Eats.

Esta reclamação foi considerada resolvida pela marca, e aceite pelo utilizador

Comentários (0)