Comércio | Lojas Shop

FNAC - A aguardar devolução do valor debitado por uma encomenda não entregue


Aguarda resposta
16457918

No passado dia 26.12.17 foi realizada através do site www.fnac.pt a compra de um telemóvel (encomenda número 0FCKTDEOVFCTG), o qual nunca foi entregue, apesar do pagamento de 227,99€ ter sido validado e processado na mesma data (26.12.17).

Atendendo à época festiva (Natal), no momento da encomenda foi dada a seguinte observação: “Ordens / Mensagens colocadas durante 23-26Dec terão um pouco de atraso como 23-26Dec são nossas férias X'mas. A entrega de Hong Kong incluiu o tempo de processamento: 8 a 13 dias úteis.”

Através do número de tracking da encomenda (5197638224), procurei acompanhar a encomenda a qual diz-se ter sido expedida a 3 de Janeiro. Inclusive, passado o prazo de entrega entrei em contacto com a Cronopost (empresa responsável pela distribuição em Portugal), que deu informação que a encomenda não se encontrava em Portugal.

Em todo este processo foi feito uma chamada para o apoio ao cliente, enviadas várias mensagens via facebook e 13 via plataforma Marketplace Fnac.

As repostas que obtive foram sempre vagas sem referir o Português “duvidoso” que induz a alguma insegurança e seriedade neste processo.

Passado o prazo estipulado de entrega o qual terminou a 15 de Janeiro (15 dias uteis), foi feita nova reclamação e pedido a devolução do dinheiro, situação que ao dia de hoje (31.01.18), ainda não se verificou.

A Fnac.pt apenas interveio no dia 27.01 solicitando update da situação.

Atendendo ao regulamento Condições Gerais do MarketPlace Fnac.pt esperei a resolução do litigio por parte da FNAC, a qual deveria ter ocorrido no prazo de 8 (oito dias úteis):

“Em caso de reclamação de um Comprador relativamente a um Produto, inclusive quando o Vendedor é informado da referida reclamação por intermédio da ferramenta de informação colocada à sua disposição no Serviço e/ou pelo envio de uma mensagem de e-mail da Fnac Portugal, o Vendedor assume a responsabilidade da resolução do diferendo que o opõe ao Comprador. Os litígios são directamente resolvidos entre o Comprador e o Vendedor, eventualmente com a ajuda da ferramenta de mensagens colocada à sua disposição no Serviço. O Vendedor deverá envidar todos os esforços para resolver o litígio que o opõe ao Comprador de forma amigável.

No entanto, no caso em que o Vendedor não tenha resolvido o litígio que o opõe ao Comprador no prazo de 8 (oito) dias úteis a contar da recepção da reclamação, a Fnac.pt reserva-se o direito, após notificação do Vendedor para o efeito, de proceder ao reembolso do Produto ao Comprador".

à data continuo a aguardar a devolução do dinheiro

Comentários



Comentar

Apenas utilizadores registados podem fazer comentários.

Inicie sessão e regresse novamente a esta página para comentar.