Internet Móvel e Fixa

Vodafone - Impossibilidade de fixar um limite máximo de utilização na banda larga


Obteve resposta
16711718

Eu tenho o serviço Vodafone On com um tarifário de 30 Gigas e a Vodafone não permite limitar a utilização a esses 30 gigas, ou seja mesmo que não queira continuarei a gastar e assim as minhas faturas nunca correspondem ao contratualizado. Liguei para a linha de apoio e o que me disseram é que o que posso fazer é controlar os consumos através do site pois não é possível colocar plafond máximo. Acho isto lamentável e não me acontecia com a operadora que tive durante alguns anos. Como é óbvio as entidades reguladoras deveriam travar estes abusos pois os clientes têm direito a colocar um limite nos seus gastos, não necessitando estar todos os dias a controlar consumos numa página de internet.

Respostas

em 2018-02-12 20:26 Valorizamos muito as questões colocadas pelos nossos clientes. São elas que nos ajudam a melhorar e a prestar um melhor serviço. Por respeito aos princípios da confidencialidade da informação dos nossos Clientes e do tratamento personalizado, solicitamos que nos coloque a sua situação através dos contactos publicitados no nosso site em www.vodafone.pt cujas principais opções deixamos de seguida.

Ir para formulário de envio de email
Contactar o serviço de apoio a cliente


Este é um e-mail gerado automaticamente, pelo que não deverá responder para este endereço.
This is an automatically generated e-mail, please do not answer back.

Comentários


Carlos Sá

Infelizmente já me aconteceu o mesmo. O pior é que querem fazer dos clientes parvos, dizendo que "não podem" limitar os dados. Tretas, uma vez que outras operadoras, quando necessário o fazem. É uma estratégia que a vodafone usa para sacar mais algum aos clientes, que no meu caso resultou em mudança para a concorrência. É pena porque o serviço até era bom mas a mim não levam mais nenhum.




Comentar

Apenas utilizadores registados podem fazer comentários.

Inicie sessão e regresse novamente a esta página para comentar.