Serviços de Saúde

Clínica do Pêlo - Queimaduras de 1º grau


Aguarda resposta
20012218

No dia 22/06/2016 realizei a sétima sessão de depilação a laser onde sofri várias queimaduras de 1ºgrau geradas por uma má prestação de serviço da clínica do pelo em Odivelas. Estas queimaduras foram diagnosticadas e comprovadas nas regências do hospital.
Neste dia, senti imensa sensibilidade mal saí da clínica e quando olhei para a minha pele estava coberta de bolas vermelhas nas pernas, virilhas e ardia-me. Tinha alertado a colaboradora que esta sessão parecia estar a ser mais dolorosa que as outras mas a resposta foi de que devia de ser porque estava com mais pelo nas coxas.
No dia seguinte, dirigi-me de novo à clínica do pelo de Odivelas para que me pudessem ajudar. A colaboradora Carla Marcelino (quem me fez as queimaduras), informou-me que não deveria ter colocado o creme aloevera que me tinha sido recomendado por ela mesmo e comprado no dia anterior e que me deveria ter dirigido a uma farmácia para comprar creme Biafine. Informou-me também que iria ficar com a pele toda em crosta e ainda insinuou que a culpa teria sido minha.
Relembro, esta foi a minha sétima sessão e tal nunca me tinha acontecido anteriormente.
Portanto, além do valor de 104€ desta sessão depilatória mal feita tive de gastar mais o creme aloe vera no valor de 20 € mais as várias embalagens que tive de comprar posteriormente de Biafine , cada uma no valor de 18,20€ ( o valor em tratamento excedeu os 100€), mais as minha ida às urgências do hospital.
Estas queimaduras causaram-me desconforto, comichão, intolerância ao toque da roupa, dificuldade em conseguir dormir, privou-me de conseguir realizar de forma eficácia a minha higiene intima.
Encontrei-me de verás revoltada da maneira que esta situação estava a interferir com a minha vida e como um serviço destes me tinha causado danos deste calibre no meu corpo e a nível estético e psicológico.
Vi-me forçada a ter de faltar ao trabalho e o próprio caminhar causava-me dor. Para além disso tive de faltar às minhas férias uma semana a seguir que já se encontravam programadas e planeadas pois não podia ter roupa vestida e muito menos apanhar qualquer raio de sol.
No mínimo, já gastei na clínica do pelo 908 € pois acreditei no que me foi prometido e o resultado está à vista. Para além disso, na primeira consulta foi-me dito que não iria precisar mais de sete sessões (uma vez que tenho um pelo preto que facilita as sessões). O que aconteceu foi que continuo a ter pelos e nas coxas nunca tive com tanta intensidade.
Passaram-se dois ano e nunca obti qualquer tipo de resposta. É lamentável como não cuidam dos clientes mesmo com tudo o acima descrito e uma reclamação apresentada pro escrito.
 


Comentários


Maria

São acidentes que podem acontecer a qualquer um, a clínica não tem culpa que a sua pele não se dê bem com o lazer.



Cristina Santos

Maria. Não tem culpa? Pagamos para nos tirarem os pelos e fritam-nos a pernas com laser muito intenso e não têm culpa??!!? Escondem-se atrás de um papel que nós assinamos para fazerem as maiores barbaridades por pura incompetência de técnicos mal preparados e diz que eles não têm culpa?



Moisés Milionário

Sra Maria, uma coisa é um acidente, outra é o que pode observar!!! Pff...



Ruben Filipe Marques Da Silva

O prestador de serviços não tem culpa de por em risco a o estado fisico do cliente xD
Não o cliente é que tem a pele fraquinha! LOL
O mundo em que vivemos é uma coisa incrivel... existem mesmo pessoas como a Maria que preferem atribuir culpa a uma cliente do que um comerciante que so vê pessoas (como a Maria) como euros com pernas...



Cristina Santos

Tive uma situação idêntica na Clínica do Pêlo no Porto. Fui a uma sessão de depilação laser e como consequência tive de ir ao hospital, estou a tomar antibióticos, anti-histamínicos e cortisona, passaram 8 dias e ainda não recuperei. Ontem mostrei as pernas (passado 8 dias ainda estão quase em carne viva) à menina que me provocou estas lesões e sabem o que disse?

"A senhora não foi à praia?" - primeira tentativa de passar a responsabilidade para mim

Respondi que não.

"A senhora é alérgica ao calor não pode fazer depilação a laser"

Respondi que já fiz no passado e correu tudo bem.

Até hoje só tive um tipo de alergia que é a pessoas incompetentes que não assumem a responsabilidade do que fazem. Não assumem a culpa, não pedem desculpa e tentam sempre por a culpa no cliente. Vergonhoso!

Nestas situações por favor escrevam no livro amarelo, peçam indemnização, não deixem que continuem a prestar este vergonhoso serviço.



Susana Rodrigues

Aconteceu-me o mesmo na segunda vez que fiz a depilação a laser com a máquina "Alexandrite".
Fiz em novembro 2016, depois de não ter réstia de bronzeado. Fiquei com as pernas todas queimadas, cheia manchas dos tubos do laser. Só desapareceram em agosto 2017, após exposição ao sol.
Nota: Não fiz na clínica do pelo.




Comentar

Apenas utilizadores registados podem fazer comentários.

Inicie sessão e regresse novamente a esta página para comentar.