Ranking na categoria
Partilhar esta página
Esta é a sua empresa? Clique aqui

Ufesa - Recusa de reparação de aspirador ao abrigo da garantia

Aguarda resposta
70099122
63
0 gostos
Jorge Silva apresentou a reclamação

1 - Em 31 de julho de 2020 comprei no Pingo Doce - Viseu um aspirador vertical da marca Ufesa, modelo AE4522,
2 - No final de outubro de 2020 comecei a notar que o artigo apresentada anomalias ao nível da aspiração, não tinha poder de sucção,
3 - Em 25 de novembro entreguei o referido artigo no Pingo Doce - Viseu, que ao abrigo da garantia do produto o mandou reparar na MCS - Martins e Catarina Simões Lda, em Viseu,
4 - Em finais de setembro de 2021 voltou a apresentar deficiências ao nível da aspiração,
5 - Em 8 de janeiro de 2022 dirigi-me novamente ao Pingo Doce - Viseu para que a anomalia fosse reparada, visto que o artigo ainda se encontrava ao abrigo da garantia. Fui informado que para agilizar o processo podia entregar o aspirador pessoalmente na MCS - Martins e Catarina Simões Lda,
6 - Nesse mesmo dia, 8 de janeiro de 2022 entreguei o aspirador na MCS - Martins e Catarina Simões Lda, para que a anomalia fosse reparada ao abrigo da garantia do produto,
7 - Em 14 de janeiro de 2022 a MCS - Martins e Catarina Simões Lda, contactou-me por SMS a informar "Serviço Ufesa. Sr.° Jorge Silva a sua reparação AA45207 tem um orçamento de 75,83€."
De imediato, via SMS relembrei a MCS que o artigo estava ao abrigo da garantia, obtendo como resposta que a anomalia é referente a manutenção, logo não era considerada em garantia,
8 - Como a manutenção do artigo foi feita de acordo com as instruções do fabricante, a deficiência deve-se a defeito de fabrico ou a má qualidade dos materiais, motivo pelo qual deve ser reparado ao abrigo da garantia e não às expensas do consumidor,
9 - Face ao exposto, venho por este meio reclamar, para que o fabricante assuma a reparação ou substituição do artigo de má qualidade ou com deficiências de fabrico que colocou no mercado, honrando os compromissos legais assumidos perante as entidades reguladoras competentes.
17 jan 2022
Jorge Silva editou a reclamação
Jorge Silva está a aguardar resolução da marca

Comentários (0)