WiZink

WiZink Bank, S.A. – Sucursal em Portugal

Ranking na categoria

Categoria
Cartões de Crédito e Pagamento

Telefone: 707780808

Morada
Av. da Liberdade nº 131, 1º Piso
1250-140 Lisboa

E-mail
reclamacoes@wizink.pt

Website
http://www.wizink.pt

Recomenda esta marca?

150
294

Partilhar esta página

WiZink - Cartão

Resolvida
47911520
327
0 gostos
Nuno Galhardo apresentou a reclamação

Boa noite, venho por este meio mostrar indignação a respeito do cartão de crédito wizink e da forma que os clientes são tratados.
Já paguei duas vezes o montante de 3000€ o valor total do crédito, onde a primeira foi paga a partir de um crédito adicional feito pela wizink, para liquidar o cartão de crédito, disseram me que só ficaria a pagar só crédito adicional, mas, entretanto, apareceu umas complicações e tive que usar o cartão de crédito de novo (foi um erro). Tive alguma dificuldade em orientar o plafond do cartão de crédito, fui contactado algumas vezes e liguei também para ver se conseguia ter alguma solução, mas houve umas 3 ou 4 vezes fui insultado, pois uma colaboradora da wizink disse me "sabe bem gasta-lo, pagar tá quieto". Já este ano, no dia 24/07/2020, consegui liquidar o cartão de crédito com o montante 3 341,91, e eu pedi para o cancelamento do cartão de crédito, mas foi me negado, pois disseram me que tinha um crédito adicional para pagamento e que não poderia cancelar o cartão de credito.
Comprometeram-se de novo que só iria pagar o valor da prestação do crédito adicional, e que não iria ser cobrado nenhum valor ao cartão de crédito (pois o cartão de crédito estava liquidado).
No mês Agosto, chega me uma carta da wizink, com o valor para pagar de 84,19€, mas, no entanto, vi que do saldo do cartão de crédito tinha menos 28,19€.
Liguei logo a wizink, pois disseram me que não iriam tirar mais nenhum valor do saldo do cartão de crédito, e aconselharam me para meter a pagamento a 100%, porque não caía mais nenhum imposto e pagava o valor total.
No mês Setembro, aparece me um valor de 110,12€, achei estranho e fui ver ao site da wizink o que se tinha passado, e deparo me que tinha menos 27,97€ no saldo do cartão de crédito. Não consegui pagar o valor total, e paguei a prestação de 84,17€. Liguei para a wizink de novo, onde me disseram que os 27,97€ que estavam a menos na no saldo no cartão de crédito, porque eram impostos do crédito adicional, e não me disseram mais nada.
Este mês (Outubro), aparece me um valor de 169,60€, sabendo que já tinha o saldo do cartão em atraso. Liguei para o wizink quinta feira dia 15/10/2020, onde me atendeu uma colaboradora que me detalhou um suposto seguro do crédito adicional, tal que não me foi transmitido quando aceitei o crédito adicional e que eu totalmente desconhecia.
Perguntei porque é que não ia a pagamento do tal seguro para a minha conta ordem, tal como a prestação do crédito adicional, mas ela não respondeu à questão, apenas me disse que era um seguro do crédito adicional e que poderia cancelar o mesmo (informação dada quando disse que teria que meter este caso na DECO se não se resolvesse), mas ela informou-me que o departamento estava fechado aquela hora.
Liguei hoje para fazer o cancelamento do suposto seguro, enrolaram e enrolaram para que eu não cancela-se o seguro.
Já algum tempo que ando a tentar orientar e cancelar este cartão, mas tem sido muito difícil, pois quando se liga para a wizink para tratar de algo, cada colaborador da wizink, não dão a informação completa. Por isso peço a wizink, que me enviem a apólice desse suposto seguro do crédito adicional e porquê de me tirarem o valor do mesmo no saldo do cartão de crédito e de não o tirarem da minha conta ordem tal como é feito com a prestação do crédito adicional, pois em vez de pagar o valor do seguro, estou também apagar valores de utilização de cartão de crédito onde eu não o estou a usar, e que tanto pedi o cancelamento.
25 Nov 2020
WiZink adicionou uma resposta

A situação exposta encontra-se encerrada. Obrigado

10 Jan 2021
Nuno Galhardo alterou o estado para Resolvida
Esta reclamação foi considerada resolvida

Comentários (0)