Marca Recomendada
Marca do Mês
Ranking na categoria
  • A Galp comercializa combustíveis, energia para mobilidade elétrica e artigos de conveniência, fornecendo energia diariamente a milhares de condutores em Portugal.

Partilhar esta página

GALP - Não há direito porque ninguém nos compensa dos danos causados!

Resolvida
35609
3935
Sónia Cabral apresentou a reclamação

Como é do conhecimento de todos, os Postos de Abastecimento situados junto a Auto Estradas ou Vias Rápidas cobram os combustíveis e outros serviços (cafetaria nem se fala) a um preço exorbitante. Também por isso creio que se lhes acresce a responsabilidade de proporcionaram a todos os clientes um serviço de qualidade.

A nós condutores exigem-nos (e bem!) uma atitute responsável e cautelosa enquanto andamos na estrada, sobretudos aos motociclistas, tantas vezes acusados de irresponsáveis. Ora bem, este fim de semana desloquei-me ao Posto da Galp na A22 (Via do Infante - Loulé - Algarve), após 3 tentativas falhadas - noutros agentes da GALP - para verificar a pressão dos meus pneus da mota. Mais uma vez não consegui resolver o meu problema; pior, os dois compressores para ligeiros estavam fora de serviço e aconselhavam os clientes a dirigirem-se à ilha dos camiões; fiz isso e depressa me arrependi, porque a pressão dos pneus era baixa e ainda ficou pior porque o aparelho tirava ar em vez de pôr!!! Chamei um empregado que me disse nada poder fazer e que também não tinham na oficina(???) nenhum compressor. Perguntei como me resolveriam o problema porque não podia andar com o pneu da mota naquele estado colocando a minha vida e a dos restantes consutores em perigo. Olharam para mim e encolheram os ombros dizendo-me que podia reclamar no Livro de Reclamações.

Fiquei aborrecida e lá tive de sair do Posto em direcção a Boliqueime e pedir ajuda, curiosamente a um agente da GALP para repor a pressão dos pneus. Com esta brincadeira tive de dar uma volta de 12 Km para voltar ao ponto partida e perdi cerca de 1 hora a tentar resolver uma questão que poderia ter demorado 10 minutos e consumido menos gasolina.

Pergunto eu, é porque o serviço é gratuito que nunca está em condições? As mangueiras estão sempre rotas e cheias de remendos de fita cola; a zona onde devemos encostar está sempre suja porque não existe escoamento adequado da água...

Enfim, pagaremos assim tão pouco à GALP que não podem garantir que este serviço funcione em condições? Como referi, entre Faro e o dito posto de combustível tentei em 3 sítios diferentes e em nenhum foi possível verificar a pressão dos pneus. Curioso que o tal agente em Boliqueime tem a mangueira junto do empregado e assim evita que fique à soalheira para estragar a borracha. Não há direito porque ninguém nos compensa dos danos causados.

Mas lembre-se que um dos conselhos dados aos automobilistas é o de verificar a pressão dos pneus antes de iniciar uma viagem...

20 nov 2012
Galp adicionou uma resposta

Exma. Senhora Sónia Cabral,

Agradecemos o seu contacto de 24 de Setembro de 2010, que teve a amabilidade de nos dirigir.
Na Galp Energia, consideramos que todas as reclamações são oportunidades de saber o que está menos bem e, como tal, oportunidades de melhorar o serviço que prestamos aos nossos Clientes.
Compreendemos a insatisfação demonstrada relativamente aos factos que nos relatou sobre a indisponibilidade do serviço de ar para pneus, em 3 Postos Galp e mais em concreto na Área de Serviço de Loulé, na Via do Infante. Ora, dada a delicadeza do tema exposto pela estimada Cliente, compete-nos uma averiguação rigorosa dos factos ocorridos.

Assim, muito agradecíamos que nos pudesse esclarecer com mais detalhe as datas/horas e nome dos Postos de Abastecimento Galp ou a sua localização, bem como a data/hora da sua visita à Área de Serviço de Loulé.
Lamentando uma vez mais o inconveniente, ficamos a aguardar as suas mais breves notícias para podermos encetar o mais rápido possível as diligências necessárias ao ocorrido e assim, podermos, posteriormente, esclarecê-la das acções desenvolvidas.
Esperamos poder continuar a merecer a sua confiança, ficando à sua disposição para qualquer esclarecimento adicional, através do e-mail clientes@galpenergia.com ou da linha 707 50 4257.

Com os nossos melhores cumprimentos,
Nuno Almeida Campos

Serviço a Clientes Galp Energia
Tel: 707 50 GALP (707 50 4257) - dias úteis das 09h às 20h
E-mail: clientes@galpenergia.com

Esta reclamação foi considerada resolvida

Comentários (0)