Indie Campers
Indie Campers
Performance da Marca
2.3
/100
Insatisfatório
Insatisfatório
Índice de Satisfação nos últimos 12 meses.
Taxa de Resposta
0%
Tempo Médio de Resposta
0%
Taxa de Solução
0%
Média das Avaliações
15%
Taxa de Retenção de Clientes
0%
Ranking na categoria
Aluguer de Automóveis
2 Auto Europe 79.6
3 Sixt 79.4
...
Indie Campers2.3
Indie Campers, S.A.

Indie Campers - Reclamação/ reembolso

Sem resolução
1/10
ENFRENTA Unipessoal
ENFRENTA Unipessoal apresentou a reclamação
10 de dezembro 2023
A 1 de outubro de 2023, fiz uma reserva na IndieCamper para o aluguer de uma carrinha Nomad para levantamento no dia 30/11 e entrega no dia 03/12, ficou com a referência WRDXPePwjPL.
No dia e hora programado para o levantamento, fomos às instalações da Indie Camper em Santa Iria de Azoia, onde fomos atendidos por uma funcionária que complicou ao máximo toda a burocracia do pagamento da caução, não se preocupando minimamente em dar soluções.
Depois desta fase concluída, foi feita a verificação do kit que faziam parte dos itens que tínhamos contratado. Foi-nos sugerida a compra de pastilhas para o WC, as quais aceitamos e pagamos de imediato, que a funcionárias registou no tablet.
Quando iniciamos a viagem já passava da hora programada.
Passados poucos quilómetros, notamos um odor característicos vindo do WC e quisemos recorrer às pastilhas que compramos, mas elas não estavam no compartimento onde estava o fogão e o kit de louças. Concluímos que a funcionárias registou as pastilhas, mas não as foi buscar ao armazém. Por conseguinte, ficamos com o cheiro nauseabundo durante os 3 dias, dentro da carrinha.
No dia 3 de dezembro, tínhamos programado fazer a viagem de regresso passando por alguns locais, que pretendíamos visitar.
Mas infelizmente, pelas 10 horas da manhã, fomos mandados parar pela GNR.
Sem problema nenhum mostramos inicialmente os documentos do condutor e de seguida abrimos o porta luvas e tiramos os documentos da viatura.
Aqui começou então o nosso pesadelo.
O agende da GNR, informa que a documentação não estava em conformidade:
1º Os documentos deviam estar em original, e não em fotocópias de péssima qualidade.
2º Não havia documento de seguro da viatura. Foi feita pesquisa em site próprio para o efeito, e no sistema apareceu o seguro, menos mal…
3º E a inspeção da viatura, onde está o documento e a vinheta afixada no vidro…. NADA
Entretanto, vamos á procura de contacto para ligar á Indiecamper, para nos dar apoio nesta situação, á qual eramos alheios. O telefone tocava e ninguém atendia, liguei vezes sem conta.
Depois mandei um mail para lisbon@indiecampers.com, com a indicação de que estava a ter problemas com a polícia, que precisava urgentemente que me ligassem.
A GNR passou uma multa á Indiecamper por falta de inspeção na carrinha. E recomendou-nos que fossemos o mais rápido para “casa” para evitar que fossemos novamente mandados parar por outra patrulha.
Retomamos a viagem eram já 12:30 horas.
Entretanto recebo uma chamada da Indiecamper, onde expus a situação sobre a multa que tinha na mão por falta de inspeção. Minimizaram o problema, afirmando que a carrinha tinha inspeção só ainda não estava registada em sistema, por isso a polícia não a encontrava.
Quando chegamos às instalações da Indie camper pelas 16:00 horas, conforme contrato, e fomos atendidos pela funcionária de serviço. Relatámos o sucedido, que por causa da falta de inspeção da carrinha, ficamos impossibilitados de usufruir de um dia de uso da carrinha, conforme tinhamos planeado. De mediato nos afirmou que a carrinha não tinha mesmo inspeção. Que iria ficar com o impresso da multa, e que trataria do assunto.
Começou a fazer a vistoria á carrinha e informou que teríamos de pagar um valor referente aos quilómetros que excediam o contratado. Aceitamos o valor e prontamente nos preparávamos para fazer o pagamento por MBWAY, conforme tínhamos pago as ditas pastilhas, quando nos disse que tinha abatido ao valor de caução, sem nos informar previamente da operação.
Questionei a atitude e a resposta foi que era esse o procedimento.
Como já tinha pago tudo o que me apresentaram, pedi as respetivas faturas. Mas o sistema da Indiecamper não permite que as funcionárias facultem faturas aos clientes, mesmo depois de pagarem, não têm autorização.
Saliento que a funcionaria mostrou um desprezo e uma falta de educação por nós inacreditável. Queria despachar-nos, mesmo sem responder ás nossas dúvidas, respondendo constantemente que não tinha autorização, porque queria que eu me calasse para ir atender outros cliente, que entretanto tinham chegado.
Nos dias seguintes liguei para o número da Indicamper e de todas as vezes não havia ninguém que falasse português, só ingleses e espanhóis. O Interlocutor português estava sempre indisponível.
Quero as faturas a que tenho direito. Mandei mail para lisbon@indiecampers.com e até hoje não obtive resposta.
Porque pelos valores totais que paguei na entrega e no levantamento da viatura, vão muito além dos meus cálculos. Quero pagar unicamente do que usufrui, e ser indemnizado do dia 3 de dezembro, em que alterei o meu roteiro.
Por estas situações lamentáveis, o meu grau de satisfação com a Indiecamper é muito negativo.
Data de ocorrência: 3 de dezembro 2023
ENFRENTA Unipessoal
ENFRENTA Unipessoal avaliou a marca
29 de janeiro 2024

Não deram nenhuma resposta ao assunto.

Esta reclamação foi considerada sem resolução
Comentários
Esta reclamação ainda não tem qualquer comentário.