Empresas e Serviços

CTT - Reexpedição paga e serviço não cumprido


Resolvida
8927317

Desde 9 de Fevereiro contratualizei serviço de reexpedição de correspondência na Estação de Benfica e paguei 2 meses, ou seja de 14 de Fevereiro a 14 de Abril de 2017
Mas o serviço, pago e não prestado, já que continuo a receber a correspondência na anterior morada em Benfica e não na actual, nos Olivais. A última correspondência recebida na morada desactualizada foi do Banco, datada de 9 de Março 2017, assim como outras comunicações que continuam a ser entregues na morada de Benfica e não na actual.


Avaliação final do consumidor

2018-02-07
Sim
Resolvido?
1
Recomenda? (entre 0 e 10)

Respostas

em 2017-03-22 13:37 Exma. Senhora
Maria Ângela Freitas,

Gostaríamos de agradecer o seu contacto, que mereceu a nossa melhor atenção.

Lamentamos, desde já, a situação ocorrida.

Para procedermos ao tratamento desta situação, e respetivas averiguações, pedimos que nos envie, por favor, as seguintes informações:

Assunto Portal da Queixa: CTT - Reexpedição paga e serviço não cumprido
Reclamação Portal da Queixa nº 8927317
E-mail do reclamante:
Nome(s) que consta(m) no pedido de Reexpedição de Correspondência:
Morada completa de origem da Reexpedição de Correspondência:
Morada completa de destino da Reexpedição de Correspondência:

Apenas com estes dados poderemos efetuar mais averiguações e disponibilizar-lhe uma resposta conclusiva.

Pedimos, assim, o envio da informação solicitada para: reclamacoes@ctt.pt.

Gratos pela sua melhor compreensão, reiteramos o nosso pedido de desculpa e apresentamos-lhe os nossos melhores cumprimentos.

Isabel Constantino
Serviço de Atendimento ao Cliente
em 2017-04-17 16:28 Exma. Senhora
Maria Ângela Freitas,

Gostaríamos de agradecer o seu contacto, que mereceu a nossa melhor atenção.

Informamos que foi enviado um email em resposta ao seu pedido de averiguação no dia 2017-04-12.

Com os nossos melhores cumprimentos.

Isabel Constantino
Serviço de Atendimento ao Cliente
Maria Ângela C. A. L. L. M. Freitas em 2018-02-07 22:47 Resolvido pelo Juiz do Centro Arbitral de gestão de Conflitos de Lisboa - CTT condenado a devolver o valor pago pelo serviço que não realizou

Comentários



Comentar

Apenas utilizadores registados podem fazer comentários.

Inicie sessão e regresse novamente a esta página para comentar.